Sem greve

Professores e servidores da Educação de Palmas aceitam proposta do Governo

Professores da Educação Municipal aceitaram a proposta da Prefeitura e decidiram não entrar em greve. Segundo presidente do Sintet, categoria vai acompanhar andamento das propostas do município...
01/10/2013 15:05:09 1.799 Ana Cássia Costa T1 Notícias
Categoria decide aceitar proposta do Governo Categoria decide aceitar proposta do Governo

Professores e servidores administrativos da Educação Municipal de Palmas aceitaram a proposta da Prefeitura após assembleia realizada na manhã desta terça-feira, 01, no Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet).

De acordo com o presidente do Sintet, José Roque, “aceitamos a proposta e vamos acompanhar o andamento delas. O Governo se comprometeu em apresentar uma proposta de reajuste até 30 de novembro e as merendeiras e o pessoal da limpeza das unidades vão continuar trabalhando 6h diárias”, disse.

Ainda de acordo com o presidente, uma lista com 16 propostas do Governo Municipal foi aceita pela categoria, mas com ressalvas. Com a decisão, os trabalhadores continuam com a carga horária de 8h, conforme decreto municipal. Outras reivindicações, como a questão da segurança nas escolas, “ficou de a Prefeitura retomar com os vigias noturnos e refutamos a questão das câmaras por enquanto”, disse o presidente.

A respeito das eleições para diretores das escolas, o presidente disse que a categoria vai eleger o diretor com critérios de seleção também feitos por uma comissão formada pelo Governo e Sintet. “Não se pode colocar qualquer um, tem que ter os critérios para ser diretor da escola, mas a categoria vai fazer eleição para diretor”.

Ainda de acordo com José Roque, a Prefeitura se propôs a fazer uma revisão do PCCR e, sobre o aumento que deve ser apresentado até 30 de novembro, a categoria aceitou a proposta desde que professor e administrativo tenham o mesmo percentual de reajuste.