Palmas, Tocantins -

Estado


Operação Verde Brasil
676 visualizações

Acompanhado do Governador em Exercício, Ministro da Defesa sobrevoa área de queimadas

O ministro veio ao Estado acompanhar as ações da Operação Verde Brasil. Fernando Azevedo disse que com o sobrevoo foi possível constatar que as queimadas reduziram bastante no Tocantins
- Atualizada em
Descrição: Ministro veio ao Estado acompanhar as ações da Operação Verde Brasil Esequias Araújo

O Governador em Exercício do Estado do Tocantins, Wanderlei Barbosa, acompanhou o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, nesta quinta-feira, 3, em sobrevoo das regiões de queimadas no Tocantins. O ministro veio ao Estado acompanhar as ações da Operação Verde Brasil. Na oportunidade, o Governador em Exercício agradeceu a ajuda das forças federais e pediu que as providências sejam tomadas para que no próximo período de veraneio no Estado as ações sejam antecipadas para evitar os danos ambientais.

 

“As nossas equipes atuaram bravamente desde o início da seca no Tocantins e aproveitamos para pedir ao ministro da Defesa para que os estudos sejam feitos e essa operação seja iniciada no mês de maio, com orientação às comunidades e posteriormente com o combate a algum foco que porventura ocorra nos meses de junho e julho, para que isso não se prolifere. Quando isso acontece, dificilmente se consegue apagar, já que estamos em uma das regiões mais quentes do País e com ventos muito fortes”, frisou o Governador em Exercício lembrando que, apesar da atuação das equipes locais o Tocantins ficou entre os estados com mais focos de queimadas no Brasil.

 

O ministro Fernando Azevedo disse que com o sobrevoo foi possível constatar que as queimadas reduziram bastante no Tocantins, mas ainda foi presenciado alguns focos nas serras do Lajeado e do Carmo. Ele destacou ainda, que essa operação nunca havia sido realizada para esse fim, mas com a autorização por parte do presidente Jair Bolsonaro da Garantia da Lei e da Ordem, em virtude das queimadas que se alastraram no País, foi possível dar uma resposta rápida ao povo da região Amazônica e ao Governo do Tocantins, que fez uso desse artifício.

 

Operação Verde Brasil

 

A Operação Verde Brasil é a ação governamental voltada ao combate aos incêndios e crimes ambientais na Amazônia Legal. O governo federal decretou, em 23 de agosto, a Garantia da Lei e da Ordem (GLO) Ambiental para ampliar as equipes em atuação na região para o combate ao fogo e investigação de ilícitos.

 

No último dia 20, a GLO foi prorrogada até 24 de outubro, nas áreas de fronteira, nas terras indígenas, nas unidades federais de conservação ambiental e em outras áreas dos estados da Amazônia Legal.  Ao todo, foi empregado um efetivo de 8.170 militares e integrantes de agências municipais, estaduais e federais; 143 viaturas; 12 aeronaves; 87 embarcações.

 

GLO

 

Garantia da Lei e da Ordem (GLO) é uma operação prevista na Constituição Federal realizada exclusivamente por ordem do presidente da República, na qual autoriza o uso das Forças Armadas. A GLO ocorre geralmente nos casos em que há esgotamento das forças tradicionais de segurança pública, em situações graves de perturbação da ordem. As operações são reguladas pela Constituição Federal de 1988 e por um decreto de 2001, os quais concedem provisoriamente aos militares a condição de atuar com poder de polícia até o restabelecimento da normalidade.