Palmas, Tocantins -

Política


Política
815 visualizações

Laudecy diz que não sai do SD e reitera apoio a Cinthia; presidente da sigla comenta

Em que pese seu partido ter pré-candidato ao Paço Municipal, a líder da prefeita na Câmara garante que não tem pretensões de mudar de partido para disputar a reeleição e reitera apoio a Cinthia.
- Atualizada em
Descrição: Laudecy Coimbra reafirma que vai seguir com a prefeita Cinthia Ribeiro divulgação

A vereadora Laudecy Coimbra (SD), líder da prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB) na Câmara Municipal, disse que não tem pretensões de mudar de partido para disputar a reeleição e reitera que vai acompanhar a prefeita em seu projeto político de reeleição, em que pese seu partido ter pré-candidato ao Paço Municipal, o deputado Eli Borges, presidente do diretório metropolitano da legenda. Na sua avaliação, qualquer decisão agora nesse sentido seria prematura.

 

“Na verdade, eu sou do Solidariedade , mas eu estarei com a Cinthia; o próprio Eli Borges já disse que é pré-candidato, mas que está aberto a conversas; até agora não tem nenhuma definição, porque as coisas estão muito incertas”, raciocina Laudecy Coimbra, para quem  a possibilidade do Solidariedade está com a prefeita é possível. “Eu torço por isso”, completa.

 

A líder da prefeita lembra que está no SD desde o início da legenda no Estado e que mantém um nível de relacionamento muito bom com o deputado Vilmar de Oliveira, com que afirma ter conversado com frequência. Laudecy disse que não tem conversado com Eli Borges sobre nenhum assunto, por enquanto, principalmente sobre sucessão. Ela espera que esse contato seja feito logo.

 

Vilmar de Oliveira

 

O deputado estadual Vilmar de Oliveira, presidente do SD estadual,  trabalha com a possibilidade da vereadora Laudecy deixar o partido, por ela ter uma afinidade muito grande com a prefeita e por ser sua líder no Legislativo.  No entanto, disse ao T1 Notícias que ainda nutre esperanças em convencer a vereadora a permanecer no partido.

 

“A vereadora Laudecy pensa em sair do partido, mas estou tentando convencê-la a ficar, haja vista que foi eleita pelo partido, mas é uma decisão que cabe a ela; gostaria que ela ficasse”, manifestou Vilmar de Oliveira.

 

O presidente estadual do Solidariedade disse que nas eleições deste ano trabalha com a possibilidade do partido lançar 42 candidatos a prefeito no Estado, com a estimativa de eleger de 15 a 20, dentre estes o pré-candidato Eli Borges, na Capital. “Em Palmas, as decisões políticas serão feitas por ele”, pondera Vilmar.

Notícias sobre:

laudecy cinthia sd vilmar eleições