Palmas, Tocantins -

Plantão de Polícia


Operação “Grilos do Cerrado”
684 visualizações

PF apura fraudes em contratação de financiamentos rurais na região central do Estado

A Polícia Federal constatou que o investigado falsificou a certidão de registro de imóvel em seu nome, conseguindo dois financiamentos rurais, cujos valores atualizados ultrapassa R$ 1.000.000,00
- Atualizada em
Divulgação/Polícia Federal no Tocantins

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 17, a Operação “Grilos do Cerrado” com o cumprimento de mandado de busca e apreensão expedido pela 4ª Vara Federal de Palmas, contra indivíduo que se utilizou de certidão de registro de imóvel falsa para fazer a contratação de dois financiamentos rurais em um imóvel que não é de sua propriedade, localizado na região rural de Palmas.

 

Após extensa investigação iniciada no final de 2019,  a Polícia Federal constatou que o investigado falsificou a certidão de registro de imóvel em seu nome, conseguindo dois financiamentos rurais, cujos valores atualizados ultrapassa R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais).

 

Verificou-se, ainda, que após o recebimento dos financiamentos o investigado dava finalidade diversa do objetivo contratado, utilizando tais valores para sua vida pessoal, o que também é proibido pelas leis brasileiras. Além disso, há possibilidade do envolvimento de servidores públicos nas fraudes, fato esse que ainda está sob investigação.

 

A ação foi deflagrada pela Superintendência Regional da Polícia Federal no Tocantins e enaltece a proteção ao erário e aos serviços púbicos, posto os valores milionários envolvidos e espera colher elementos probatórios de eventuais outros fatos criminosos, conexos a investigação em apreço.

 

Os envolvidos poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de estelionato majorado, falsificação de documento público, e aplicação diversa da prevista no contrato, com penas que somadas podem ultrapassar 15 anos de reclusão.

 

A operação

 

O nome da Operação “Grilos do Cerrado” faz alusão a emblemática forma que grileiros envelheciam os documentos.  A documentação era envelhecida com ajuda de grilos, já que ao colocar os papéis dentro de uma caixa com os insetos, tornava o documento com aspecto antigo.

 

Pandemia

 

A Polícia Federal destaca que em razão da pandemia causada pela Covid-19, foi adotada logística especial de prevenção ao contágio, com distribuição de EPI’s a todos os envolvidos, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas e investigados.