Palmas, Tocantins -

Política


Na Assembleia Legislativa
786 visualizações

Com críticas de Valdemar Jr à gestão de Porto Nacional, Toinho prepara resposta

Toinho Andrade saiu em defesa da gestão portuense nesta quinta e avisou que na próxima terça vai "responder a altura" as críticas feitas por Valdemar Junior que alegou descaso com Luzimangues.
- Atualizada em
Descrição: Deputado estadual Toinho Andrade T1 Notícias

Na sessão legislativa de quarta-feira, 24, o deputado Valdemar Júnior (PSD) criticou a prefeitura de Porto Nacional e alegou “descaso” com o distrito de Luzimangues. Ele fez denúncias de mau uso de maquinário público, além da ineficácia na ação da subprefeitura. “O órgão tem mais de 20 servidores, dos quais apenas dez trabalham de fato, mas não dispõe sequer de uma impressora”, disse o deputado.

 

Ausente durante a fala de Valdemar, o deputado Toinho Andrade (PSD), que é irmão do prefeito de Porto Nacional, avisou nesta quinta-feira, 25, que na próxima sessão ordinária da Casa de Leis, na terça-feira, 30, ele vai usar a tribuna para responder as críticas feitas por Valdemar. “Acho que ele usou a oportunidade da minha ausência para fazer denúncias e mostrou só um lado”, pontuou.

 

O deputado Toinho completou ainda que a prefeitura não precisa de defesa. “A sua defesa é a administração pela terceira vez”, disparou o deputado, ao informar a Valdemar que fez o pedido da gravação de sua fala. “Assim eu vou poder te responder à altura”, destacou.

 

Na quarta, o deputado Valdemar exibiu imagens de pontos de ônibus improvisados e lixo nas vias públicas. Já sobre o maquinário, o parlamentar afirmou que um trator da prefeitura estaria sendo usado irregularmente pelo pai de um vereador. “Temos denúncias segundo as quais esse trator estaria beneficiando apenas os amigos do vereador e do prefeito; os demais precisam comprar o óleo diesel”, denunciou.

 

Disputa

Com a disputa eleitoral se aproximando, Valdemar Junior garantiu que suas denúncias não têm vínculo com qualquer interesse em concorrer à prefeitura de Porto Nacional. “Fui eleito [deputado] para representar todo o Estado do Tocantins”, disse, ao acrescentar que não abre mão de seu direito e obrigação de fiscalizar a aplicação dos recursos públicos dos portuenses.

 

(Com informações da Assessoria)