Palmas, Tocantins -

Ação Parlamentar

Ver comentários
Em Brasília

Claudia Lelis participa da instalação da Frente Parlamentar em Defesa da Juventude

Uma delegação tocantinense de mais de 30 jovens, envolvendo gestores municipais jovens e presidentes de entidades estudantis participaram da posse de novos membros.
- Atualizada em
Ascom da Parlamentar

A deputada estadual Claudia Lelis (PV) cumpre agenda nesta quinta-feira, 12, em Brasília, onde participou da posse dos membros da Frente Parlamentar em Defesa das Políticas Públicas para Juventude. A frente foi criada para efetivação do estatuto da juventude e tem por objetivo aprovar o plano nacional de juventude que tramita no Congresso há mais de 14 anos. 

 

Essa frente irá garantir junto ao Governo Federal um orçamento forte para as políticas públicas de juventude. Uma delegação tocantinense de mais de 30 jovens, envolvendo gestores municipais jovens e presidentes de entidades estudantis participaram do evento.

 

A deputada Claudia Lelis fez questão de destacar a importância da Frente para a juventude tocantinense. “Estou confiante que com a criação desta Frente. Teremos muitos avanços nesta área, principalmente, porque termos como presidente o senador Irajá Abreu, um parlamentar tocantinense, que conhece realidade dos jovens no Estado.  Sempre defendi que as políticas públicas de juventude precisam chegar aos municípios porque temos cerca 500 mil jovens que precisam de oportunidades”, defendeu Lelis.

 

“Investir na capacitação e profissionalização dos jovens e adolescentes para o mercado de trabalho gera tanto resultados imediatos como benefícios futuros para toda a sociedade. Pois temos que dar garantia de mais possibilidades para a população jovem na construção de suas trajetórias de emancipação com qualidade de vida nos vários aspectos: educação, empregabilidade, acesso ao esporte e cultura, direito à sociabilidade”, afirmou a parlamentar pevista.

 

Para o conselheiro nacional da juventude do governo federal, Gustavo Gama, membro do Partido Verde do Tocantins, esse momento é muito importante, pois tanto o governo com a oposição deixaram a questão ideológica de lado, e se uniram com o conselho nacional da juventude para efetivar as políticas públicas da juventude. “E o primeiro ato é o Plano Nacional da Juventude que está no Congresso há 14 anos, e essa Frente irá trabalhar para destravar essa pauta”, ressaltou Gustavo Gama.

 

Segundo o senador Irajá Abreu, a Frente Parlamentar é um esforço para cristalizar o Estatuto da Juventude (Lei 12.852, de 2013), legislação em favor de uma parcela que chega a um quarto da população brasileira, carente de políticas públicas específicas. “Garantir a efetividade do Estatuto da Juventude é reforçar um pilar essencial para que a maior geração de jovens assuma um papel de protagonista na construção do país, afirmou.