Palmas, Tocantins -

Ação Parlamentar


Na Espanha
163 visualizações

Na COP 25, Cláudia Lelis participa de reuniões sobre venda dos créditos de carbono

Para a deputada pevista, o Brasil é hoje a maior aposta para esse mercado de carbono e o Tocantins possui todas as condições para ingressar nesse mercado e faturar com a venda do carbono
- Atualizada em
Divulgação

A deputada estadual e presidente da Comissão de Minas, Energia, Turismo e Meio ambiente, Cláudia Lélis (PV), participou nesta segunda-feira, 9, em Madrid, Espanha, de diversas reuniões sobre a comercialização dos ativos ambientais decorrentes da venda de créditos de carbono produzidos pelo Tocantins.

 

O mercado de créditos de carbono é uma alternativa para as empresas que buscam compensar seus impactos no que diz respeito às emissões, com ajuda dos projetos que geram estes créditos. Um ciclo que gera benefícios socioambientais significativos, especialmente para países em desenvolvimento.

 

Para a deputada pevista, o Brasil é hoje a maior aposta para esse mercado de carbono e o Tocantins possui todas as condições para ingressar nesse mercado e faturar com a venda do carbono. “Essa reunião foi muito produtiva e esclarecedora e tenho certeza que o Tocantins conseguirá colocar no mercado internacional em breve seus ativos ambientais”, defendeu Claudia Lelis, que participa pela terceira vez da COP.

 

A reunião desta segunda-feira aconteceu na sede da Embaixada do Brasil em Madrid e contou com a presença do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Sales, do presidente do senado, Davi Alcolumbre, governadores da Amazônia Legal, com o vice-governador do Tocantins, Wanderley Barbosa (PH) e com os deputados estaduais Olyntho Neto e Ricardo Ayres, além de outros membros que compõem a comitiva tocantinense na COP 25.

 

Além da reunião na embaixada, a comitiva tocantinense também com outros investidores internacionais que já desmontaram interesse em comercializar os créditos de carbono do Estado.