Palmas, Tocantins -

Agronegócio


Cuidado com gado
674 visualizações

Vacinação contra febre aftosa acontece até setembro na Ilha do Bananal

A Adapec realiza a vacinação contra febre aftosa na Ilha do Bananal até o dia 15 de setembro. A expectativa é que 42 mil cabeças de gado sejam vacinadas.
- Atualizada em

A nossa expectativa é que independente da faixa etária do rebanho sejam vacinadas 42 mil cabeças de gado na Ilha do Bananal”, afirmou Rayssa Sendranini, responsável técnica pelo programa de aftosa da Agência Agropecuária de Defesa- Adapec.

Segundo Rayssa, a campanha de vacinação contra febre aftosa pretende eliminar a doença do Estado e será realizada até o dia 15 de setembro. “A vacinação será feita em uma única etapa exatamente porque iremos aproveitar o período de estiagem da região”, explicou.

 Ainda segundo as informações, a vacinas dos rebanhos de índios serão custeadas pelo governo. “A aplicação será feita pelos técnicos. As vacinas dos rebanhos dos indígenas serão custeadas pelo Governo. Já os demais produtores serão responsáveis pelas doses do seu rebanho”, ressaltou.

 Na ação serão imunizados rebanhos dos municípios de Araguaçu, Formoso do Araguaia, Sandolândia, Pium, Caseara, Cristalândia e Lagoa da Confusão.

 Sobre a doença

 A febre aftosa é uma doença viral altamente contagiosa que afeta gado bovino e outros animais que possuem cascos fendidos.

O animal afetado pela doença apresenta uma febre alta e pequenas vesículas na mucosa da boca, laringe, narinas e na pele que circunda os cascos.

 

Por causa dessas vesículas o animal deixa de andar e de comer e emagrece rapidamente. As capacidades fisiológicas de crescimento e produção de leite são prejudicadas por várias semanas, até meses.

Os animais que se curam tornam-se portadores convalescentes assintomáticos e colocam em risco novamente o rebanho.