Eduardo Gomes é aguardado em Palmas para comandar campanha de Dimas a partir de julho

Campanha de Dimas deve ter reforço do senador Eduardo Gomes no recesso parlamentar e, após o dia 20 de julho, quando entrega a liderança de Bolsonaro no Senado...

Eduardo Gomes e Ronaldo Dimas em encontro em Araguaína.
Descrição: Eduardo Gomes e Ronaldo Dimas em encontro em Araguaína.

O mês de junho, que começa nesta quarta, e já trata de surpresas para a pré-campanha política deste ano. 

 

São fortes os indicativos nos bastidores de que o senador Eduardo Gomes deve assumir a partir de Palmas a coordenação da campanha majoritária de Ronaldo Dimas.

 

Com o movimento, esperado para depois de 20 de julho - quando entrega a liderança do governo Jair Bolsonaro - Gomes pode ou não optar por abrir espaço para os suplentes.

 

Com todas as idas e vindas do Palácio Araguaia, que provocaram o distanciamento do deputado Eduardo Siqueira, a campanha governista também perde o Velho Siqueira, suplente de Gomes. Afastado do convívio social por questões do seu estado de saúde e idade avançada, o apoio de Siqueira é ainda mais do que simbólico.

 

Gomes na campanha faz muita diferença

 

A questão é que, pelo foco e objetividade com que mexe as peças no tabuleiro de xadrez da política, a presença de Gomes diretamente numa campanha, faz muita diferença.

 

As últimas consultas internas, para efeito de balizamento de decisões estratégicas e não para divulgação, mostram um Wanderlei Barbosa bem à frente do segundo colocado em Palmas, revelando um cenário preocupante, faltando quatro meses para as eleições.

 

Em Gurupi, a diferença é menor, mas ainda com vantagem para Barbosa e, apenas em Araguaína, Ronaldo Dimas dispara na frente do governador.

 

Com sua habilidade política histórico de convivência com os líderes de todo Estado, Eduardo Gomes é a peça que pode mudar o jogo e tornar a campanha mais aguerrida.

Comentários (0)