Palmas, Tocantins -
Tragédia

Incêndio no centro de treinamento do Flamengo, no Rio de Janeiro, deixa 10 mortos

O incêndio atingiu a ala mais velha do CT, que servia de alojamento para as categorias de base e recebia jogadores de 14 a 17 anos de idade
- Atualizada em
Fogo atingiu alojamentos de jogadores de 14 a 17 anos Reprodução

Um incêndio atingiu o Ninho do Urubu, centro de treinamento do Flamengo, na manhã desta sexta-feira, 8, no Rio de Janeiro. O incêndio já foi controlado, mas segundo o Corpo de Bombeiros da cidade há 10 mortos e três feridos - um deles em estado grave.

 

O incêndio atingiu a ala mais velha do CT, que servia de alojamento para as categorias de base e recebia jogadores de 14 a 17 anos de idade. As vítimas estavam dormindo no momento do incêndio, o que teria contribuído para a tragédia. Os bombeiros foram acionados às 5h17 e os feridos foram levados para o hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca.

 

Segundo os bombeiros, os feridos foram identificados como Cauã Emanuel Gomes Nunes, de 14 anos, Francisco Diogo Bento Alves, 15, e Jonathan Cruz Ventura, 15.

 

Ainda não foram divulgados os nomes das vítimas fatais. Apenas foi revelado que se trata de quatro jogadores da base, quatro funcionários do clube e dois atletas que faziam teste no Flamengo.

 

"A gente tem o local, que é o alojamento, onde os jogadores da base do Flamengo dormiam. A identificação das vítimas é feita posteriormente pela Polícia Civil", disse o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros Douglas Henaut à TV Globo.

 

"O que causou o incêndio só posteriormente pela perícia. Mas a identificação destes óbitos a perícia vai averiguar. Eram jovens, segundo informações do Flamengo", afirmou Henaut ao Sportv.

 

O Ninho do Urubu fica localizado no bairro de Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, e é utilizado para treinamentos do elenco profissional e das categorias de base.

 

O local passou por reformas recentemente, com a inauguração de um novo módulo para os profissionais em novembro de 2018. Era previsto, inclusive, que a ala atingida pelo incêndio fosse demolida após a inauguração do novo espaço.

 

"Ele é um material [construção do alojamento] de certa forma de maior combustão do que alvenaria normal, mas é uma forma de construção bastante utilizada, nada fora do normal", avaliou o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros.

 

O elenco principal do Flamengo tinha trabalho programado para o Ninho do Urubu na manhã desta sexta-feira. A equipe faria, a partir das 9h30, seu último treinamento antes do clássico contra o Fluminense pela Taça Guanabara. A atividade transferida para o período da tarde.

 

Grandes clubes brasileiros se solidarizaram com a tragédia no CT do Flamengo e mandaram condolências ao rival carioca, através das rede sociais.