Palmas, Tocantins -

Café Online

Roberta Tum

Roberta Tum

roberta.tum.9 @robertatum

Colunista do Editorial Café Online


CPI Covid

Mandetta afirma que decreto presidencial queria alterar bula da cloroquina

O ex-ministro da saúde abriu os depoimentos da CPI Covid nesta terça, 4, e falou por 7 horas sobre a pandemia, inclusive que o comportamento do presidente causou impacto no agravamento pandêmico
- Atualizada em
Descrição: Ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, durante depoimento. AFP/Agência Senado/Jefferson Rudy

Luiz Henrique Mandetta, ex-ministro da Saúde, afirmou, em seu depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, que durou 7 horas e 22 minutos, nesta terça-feira, 4, que uma minuta de decreto presidencial havia proposto que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) alterasse a bula da cloroquina para que o medicamento fosse indicado no tratamento de pacientes com Covid-19. Mandetta também afirmou que enviou uma carta ao presidente Bolsonaro pedindo que ele revesse o posicionamento adotado perante à pandemia, alertando sobre as consequências de colapso no sistema de saúde e à população brasileira.

Outras Notícias