Palmas, Tocantins -

Cidades


Imunização contra Covid-19
647 visualizações

Após receber 3,5 mil doses da Pfizer, Palmas começa vacinar pessoas com comorbidades

A imunização ocorrerá de quinta a sábado, das 9 às 17 horas, nas USFs da Arno 42, Arse 122 e Novo Horizonte, no Jardim Aureny IV. Na sexta, a mobilização será no Ginásio do Ceulp/Ulbra
- Atualizada em
Descrição: População deve ficar atenta ao cronograma de vacinação Raiza Milhomem/Prefeitura de Palmas

A partir desta quinta-feira, 06, a vacinação contra a Covid-19, com doses do imunizante Pfizer, começou a ser feita em pessoas com comorbidades. A mobilização ocorre nesta quinta, sexta, 07, e sábado, 08, das 9 às 17 horas, nas Unidades de Saúde da Família da Arno 42 (405 Norte), Arse 122 (1.206 Sul) e Novo Horizonte, no Jardim Aureny IV.

 

Na sexta-feira a vacinação ocorrerá no Ginásio do Centro Universitário Luterano de Palmas (Ceulp/Ulbra), também das 9 às 17 horas. Na quarta-feira, 05, a Prefeitura de Palmas recebeu 3.510 doses da Pfizer.

 

A Secretaria Municipal da Saúde (Semus) explica que estão aptos a se vacinar neste momento as pessoas a partir de 18 anos que tenham Síndrome de Down, gestantes ou puérperas até 45 dias após o parto, ambas com comorbidades e que tenham a partir 18 anos de idade. Também podem se vacinar nesta etapa, pessoas com comorbidades com 59 anos e pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) que também tenham 59 anos.

 

A Semus informa que pessoas com insuficiência renal crônica que realizam diálise serão vacinadas nas duas clínicas de nefrologia da Capital, com data e horário informados nas próprias clínicas.

 

O público com comorbidade prevista para esta etapa deve apresentar laudo ou relatório médico comprovando uma das doenças elencadas pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, como diabetes mellitus, pneumopatias crônicas graves, hipertensão arterial, hipertensão pulmonar, insuficiência cardíaca, cardiopatias em geral, doença cerebrovascular, imunossuprimidos, hemoglobinopatias graves, obesidade mórbida e cirrose hepática, dentre outras. A lista completa pode ser conferida aqui.

 

Para se vacinar, o público deve comparecer ao local da vacinação com documentos pessoais (RG ou CNH), Cartão de Vacina, laudo ou relatório médico comprovado a comorbidade. No caso das mulheres grávidas, é necessário também levar exame que ateste a gestação. Já as puérperas precisam levar registro de nascimento do recém-nascido ou Declaração de Nascido Vivo ou Natimorto, que ateste o parto ocorrido em até 45 dias.

 

Imunização para o público de 60 anos

 

Nesta quinta-feira, 6, os idosos a partir de 60 anos podem procurar um dos cinco pontos distribuídos em Palmas para vacinar contra Covid-19.

 

Dos cinco pontos para imunização, dois são em formato drive thru, na Praia da Graciosa, das 8 às 17 horas, e na Feira Coberta do Aureny III, das 8 às 16 horas. O terceiro ponto disponível é o ginásio do Centro Universitário Luterano de Palmas (Ceulp/Ulbra), das 8 às 13 horas.

 

A imunização também ocorre nas Unidades de Saúde da Família da Arno 44 (409 Norte) e Bela Vista, das 8 às 16 horas. Nestes locais, pessoas acima de 61 também poderão ser imunizadas. 

 

Para se vacinar, as pessoas devem portar documentos pessoais (RG ou CNH), Cartão de Vacina e CPF. Já os profissionais da saúde que necessitem tomar a segunda dose, podem comparecer aos pontos com os documentos citados e o Cartão de Vacina com o registro da primeira dose.