Palmas, Tocantins -
Obra de ponte e turismo

Após ter CRP liberada, prefeitura de Palmas consegue garantir R$ 3,7 mi em convênios

A liberação do CRP possibilitou que o município voltasse à condição de contrair empréstimos, celebrar convênios e realizar as operações técnicas e financeiras necessárias ao andamento da administração
- Atualizada em
Garantia dos empenhos ocorre após liberação da CRP Secom Palmas

A Prefeitura de Palmas conseguiu, no final da última semana, o empenho de dois convênios que totalizam R$ 3.716.036,76, para a construção de uma ponte e para a elaboração do Plano de Desenvolvimento do Distrito Turístico de Palmas. A garantia dos dois empenhos ocorre após intervenção recente da administração de Palmas, atendendo determinação da prefeita Cinthia Ribeiro, para liberar o Certificado de Regularidade Previdenciária (CRP) do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Palmas (Previpalmas).

 

A liberação do CRP possibilitou que o município voltasse à condição de contrair empréstimos, celebrar convênios e realizar as operações técnicas e financeiras necessárias ao andamento da administração.

 

Um dos convênios é destinado à obra da ponte sobre o Ribeirão Taquaruçu, que corta a Avenida Theotônio Segurado, ligando os setores Taquari e Jardim Vitória. O montante previsto para a obra é de R$ 2.666.036,76, sendo R$ 1 milhão do Ministério da Integração Nacional e R$ 1.666.036,76 de contrapartida do Município. Segundo a prefeitura, a obra vai permitir a integração dos setores com as demais regiões da cidade, condicionando a escoação da produção rural das chácaras do entorno de Palmas. O recurso da ponte é resultado de emenda parlamentar da deputada federal Josi Nunes.

 

O outro empenho assegurado diz respeito à elaboração do Masterplan, que será executado em parceria com o Ministério do Turismo e tem recursos previstos de R$ 1 milhão e R$ 50 mil, sendo R$ R$ 1 milhão de financiamento do Ministério e R$ 50 mil de contrapartida da Prefeitura de Palmas. O Masterplan prevê a elaboração dos planos de Desenvolvimento do Distrito Turísticos de Palmas contemplando estudos de viabilidade técnica, ambiental, social e econômica.