Araguaína amplia vacinação contra a Covid-19 para crianças de 10 e 11 anos

Grupos de 5 a 11 anos que são indígenas, quilombolas ou vivem em lar com pessoas de alto risco para evolução da doença também estão aptos para a vacinação

Araguaína ampliou a vacinação contra a Covid-19 para mais grupos de crianças. Já estão aptos a se vacinar meninos e meninas que tenham 10 e 11 sem comorbidades, e os que tenham de 5 a 11 anos que são indígenas, quilombolas ou que vivem em lar com pessoas de alto risco para evolução da doença.


 
Desde a última sexta-feira, 21, Araguaína está vacinando crianças. Até esta segunda-feira, estavam sendo vacinados apenas a faixa etária de 5 a 11 anos que tenham deficiência permanente ou comorbidades. Seguindo os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde, o próximo grupo a ser incluído na vacinação é o de crianças de 9 e 8 anos, seguido de 7 e 6 anos, e finalizando nas crianças de 5 anos.
 


Saúde em alerta


A secretária da Saúde de Araguaína, Ana Paula Abadia, alerta que casos graves em crianças tiveram recente aumento em todo Brasil. “Estamos vendo várias cidades com superlotação em leitos exclusivos para crianças com Covid-19 e por isso estamos reativando e ampliando em 10 leitos clínicos a área de Covid pediátrica do Hospital Municipal de Araguaína”.

 

Atualmente, Araguaína tem 9 crianças internadas, sendo uma na UTI, no Hospital Municipal de Araguaína, que é referência para atendimento pediátrico para toda região norte do Tocantins. Em 2020 e 2021, no Brasil foram registrados mais de seis mil casos graves de Covid-19 em criança e dessas 308 morreram.

 


Na dose certa


Antes do início da vacinação, as equipes da Saúde de Araguaína foram treinadas de acordo com a Nota Técnica nº 2/22, do Ministério da Saúde. O volume da dose aplicada nas crianças é de 0,2 ml, enquanto nos maiores de 12 anos é de 0,3 ml. Além disso, a formulação da vacina para crianças é diferente do imunizante aplicado nos adolescentes e adultos, e os frascos das vacinas também se diferem, sendo das crianças de cor laranja e dos demais públicos de cor roxa.
 


Onde tomar?


São sete Unidades Básicas de Saúde (UBSs) disponíveis para vacinação desse público-alvo contra a Covid-19. As UBSs JK, Lago Azul, José Ronaldo Pereira da Costa (Dom Orione) e Dr. Dantas (Costa Esmeralda) atendem das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30, e a Dr. Francisco Barbosa de Brito (Vila Aliança) atende em horário estendido, das 7h às 18h. Já as UBS Ponte e Novo Horizonte atendem das 7h às 13h.

Comentários (0)