Palmas, Tocantins -

Cidades


Campanha de vacinação

Com 254,4 mil doses aplicadas, Palmas tem baixa recusa pela vacina contra a Covid-19

Do total das vacinas aplicadas, 180.258 correspondem à primeira dose e 74.166 à segunda. A Capital teve, até o momento, 37 recusas pela vacina contra a doença.
- Atualizada em
Edu Fortes/Prefeitura de Palmas

A cidade de Palmas já aplicou 254.424 doses contra a Covid-19, sendo 180.258 correspondente à primeira dose e 74.166 da segunda ou dose única, apresentando baixa recusa, totalizando 37 palmenses que se negaram, formalmente, a tomar vacina. O município recebeu, até esta quarta-feira, 08, 271.73  doses de imunizantes, entre CoronaVac, Pfizer, AstraZeneca e Janssen.

 

Questionada se já possui data para estabelecer o chamado passaporte de vacinação, medida que torna obrigatória a apresentação de comprovante de vacinação em locais com grande fluxo de pessoas, a prefeitura de Palmas disse a T1 Notícias, por meio de nota, que analisa a possibilidade e que o tema será debatido sob diversos aspectos, como a pertinência legal, viabilidade econômica, dentre outros.

 

A informação sobre a preparação de decreto no sentido da Capital ter o comprovante de vacinação como obrigatório em alguns locais havia sido repassada pela gestão ao Ministério Público do Estado do Tocantins (MPTO), durante reunião no último dia 3, que discutiu assuntos relativos às vacinas e medidas adotadas para incentivar a vacinação.

 

Campanha de vacinação e terceira capital mais eficiente no combate à Covid-19

 

Desde que recebeu as primeiras doses, a prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) realizou campanhas para incentivar a vacinação contra a doença, como a "Balada da Vacinação" e, em março de 2020, começou a adotar medidas sanitárias mais rígidas para evitar a propagação do Coronavírus.

 

Estudo realizado pelo Instituto Votorantim traz o Índice de Eficácia no Enfrentamento da Pandemia de Covid-19 (IEEP), que mensura o resultado das ações de cada cidade brasileira para combater o Coronavírus. O estudo apontou Palmas como a terceira capital mais eficiente no combate à Covid-19. Em primeiro lugar ficou Florianópolis e em segundo São Paulo.

 

Atualmente, a Capital vacina adolescentes acima de 12 anos com comorbidades. Mais informações sobre a imunização em Palmas podem ser conferidas no site Vacina Já e o cenário epidemiológico pode ser acompanhado pelo Plantão Coronavírus.

 

Confira a nota da prefeitura de Palmas na íntegra:

 

A Prefeitura de Palmas esclarece que recebeu demanda da 19ª Promotoria de Justiça da Capital sobre dados relativos à vacinas e medidas adotadas para incentivar a vacinação contra o novo coronavírus. As informações foram devidamente prestadas conforme requisitado. Em relação à possível adoção do chamado passaporte de vacinação, o assunto será analisado sob diversos aspectos como a pertinência legal, a viabilidade econômica e outros. Vale destacar que até o momento, apenas 37 pessoas recusaram-se a receber formalmente a vacina. A Prefeitura continua realizando campanhas para incentivar a vacinação, sendo que até o dia de hoje recebeu 271.73 vacinas, das quais 254.424 já foram aplicadas, sendo 180.258, primeira dose e 74.166, segunda dose.