Palmas, Tocantins -
Flagrante

Mãe acaba presa ao tentar entrar com droga para o filho na cadeia de Colinas

Esse é o terceiro caso em 28 dias de visitante tentando entrar com drogas no ambiente de carceragem na Cadeia de Colinas.
- Atualizada em
Divulgação

De acordo com Polícia Civil, agentes da Cadeia Pública de Colinas do Tocantins receberam informações de que a mulher de 51 anos, identificada pelas iniciais I. B. N., estaria levando substâncias entorpecentes para o filho, Lucas Noleto Lobo, de 25 anos, condenado por tráfico de drogas.

 

Na chegada à unidade prisional para visitar o preso, quando questionada sobre a suposta tentativa, a mãe teria ficado nervosa e recusado passar pela revista pessoal. Em decorrência da atitude suspeita os agentes conduziram a mulher ao hospital da cidade, onde foi realizado um exame de raio-X que confirmou a presença da droga introduzida em suas partes íntimas.

 

Após a confirmação, os agentes deram voz de prisão à mulher pelo crime de tráfico e a conduziram à Central de Atendimento da Polícia Civil do município. Também foi instaurado Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) em desfavor do filho da visitante, para apuração mais detalhada do fato.

 

Esse é o terceiro caso em 28 dias de visitante tentando entrar com drogas no ambiente de carceragem na Cadeia de Colinas.

 

Histórico

 

Em 11 de janeiro, M. S. O. M., 35 anos, foi flagrada tentando entrar na Cadeia Pública de Colinas do Tocantins com drogas escondidas em seu corpo. No dia 1º de fevereiro L. A. C., 25 anos, também foi presa após ser comprovado que ela estava como ilícitos introduzidos em suas partes íntimas. Ambas vão  responder pelo crime de tráfico de drogas e poderão pegar de 5 a 15 anos de prisão em regime fechado.