Palmas, Tocantins -
Evento

Palmas realiza Fórum para Pactuação do Plano de Prevenção e Controle do Tabagismo

Encontro acontece em paralelo à 1ª Mostra de Experiências dos Grupos de Apoio Terapêutico ao Tabagista, no auditório do Tribunal de Contas do Estado (TCE)
- Atualizada em
Da Web

Nestas quinta e sexta, 24 e 25, acontecem o 1º Fórum para Pactuação do Plano de Prevenção e Controle do Tabagismo e a 1ª Mostra de Experiências dos Grupos de Apoio Terapêutico ao Tabagista, no auditório do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

 

Os eventos são realizados pela Secretaria Municipal de Saúde de Palmas, por meio da Coordenação Técnica de Doenças e Agravos não Transmissíveis (CTDANT), com o apoio da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp), do TCE e do Serviço Social da Indústria (Sesi).

 

O Fórum tem como público-alvo os profissionais da Estratégia de Saúde da Família, do Núcleo Ampliado da Saúde da Família e Atenção Básica (Nasf-AB), residentes do Programa Integrado de Residência em Saúde, representantes da Vigilância Sanitária, das secretarias do Desenvolvimento Social e da Educação e de instituições de ensino superior.

 

As discussões no fórum vão contemplar os eixos estratégicos: ações de educação, comunicação e informação; prevenção da morbimortalidade causados pelo uso do tabaco; atenção integral à saúde do indivíduo tabagista; monitoramento, vigilância e pesquisa.

 

Incentivo ao tratamento

 

De acordo com a coordenadora do Programa Municipal de Controle do Tabagismo, Andreza Domingos, a pactuação do Plano Municipal de Prevenção e Controle do Tabagismo é uma das ações pactuadas no Plano Municipal de Enfrentamento das Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT). “O objetivo é reduzir a prevalência e a morbimortalidade por doenças crônicas causadas pelo uso do tabaco e seus fatores de risco na população de Palmas”, ressalta.

 

Na Capital, a Saúde disponibiliza tratamento gratuito para quem quer deixar de fumar, os chamados Grupos de Apoio Terapêutico ao Tabagista que buscam sensibilizar a população sobre os riscos e consequências de uso do tabaco, uma vez que o tabagismo é fator de risco para as doenças crônicas não transmissíveis. “O tratamento da pessoa tabagista apresenta ótimo custo-efetividade nos cuidados em saúde, e a recomendação é que deve ser realizado prioritariamente nas unidades básicas de saúde, devido ao seu alto grau de descentralização e capilaridade”, destaca a coordenadora.

 

Em 2018, 104 usuários participaram dos Grupos de Apoio Terapêutico ao Tabagista, dos quais 71 concluíram todas as etapas do tratamento. Atualmente 34 pessoas estão em tratamento na Capital nos chamados grupos de manutenção.

 

Nos grupos de apoio, os usuários são motivados a deixar de fumar e tem acesso aos métodos eficazes para tratamento da dependência da nicotina. Os métodos de tratamento utilizados no ambulatório são dois: a Abordagem Cognitivo-Comportamental e a utilização de medicação, quando necessária, de acordo com cada caso.

 

Atualmente existem quatro grupos em funcionamento, localizados nos Centros de Saúde da Comunidade Laurides Milhomem (Jardim Aureny III), Professora Isabel Auler (Arso 23), Valéria Martins (Arse 122) e na Arno 71.

 

 

Confira a programação

Local: Auditório do Tribunal de Contas do Estado

 

24/10 - Quinta-feira

8 horas - Credenciamento

8h30 - Trajetória de construção dos Grupos de Apoio Terapêutico ao Tabagista (GATT)

9 horas – Mesa-redonda para relato de usuários dos GATT do município de Palmas

10h20 - Intervalo

10h40 – Mesa-redonda para relato de profissionais dos GATT do município de Palmas

11h40 - Perguntas e encerramento

14 horas - Vídeo para sensibilização

14h30 - Apresentação do Programa Nacional de Controle do Tabagismo

15 horas - Apresentação do Plano Municipal de Prevenção e Controle do Tabagismo

15h30 - Pactuação dos eixos para o Plano Municipal de Prevenção e Controle do Tabagismo de Palmas

Eixo 1: Ações de Educação, Comunicação e Informação

16h30 - Intervalo

16h50 - Eixo 2: Prevenção da morbimortalidade causadas pelo uso do tabaco

 

25/10 - Sexta-feira

8h30 - Estratégias da indústria do cigarro

9h30 - Pactuação dos eixos para o Plano Municipal de Prevenção e Controle do Tabagismo de Palmas

Eixo 3: Atenção Integral à Saúde do Indivíduo Tabagista

10h30 - Intervalo

10h50 - Eixo 4: Monitoramento, Vigilância e Pesquisa

11h50 - Perguntas e encerramento

14h15 - Oficinas específicas para os profissionais dos GATT:

Como trabalhar grupos (Metodologia, educação popular em saúde)

15h45 - Intervalo

16 horas - Malefícios dos diversos tipos de fumo e estratégias da indústria do cigarro

17h30 – Encerramento

 

 

 

 

Notícias sobre:

tabagismo fórum fumantes cigarro