Palmas, Tocantins -

Cidades


Imunização
766 visualizações

Palmas recebe 3,3 mil doses da CoronaVac: vacinação começa nesta quarta-feira, 20

O ato simbólico ocorrerá na Unidade de Saúde da Família (USF) da Arno 61 (503 Norte), às 10 horas, onde serão vacinados profissionais da saúde atuantes na linha de frente
- Atualizada em
Descrição: Vacina contra Covid-19: CoronaVac Raiza Milhomem

A Prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria Municipal da Saúde de Palmas (Semus), inicia a vacinação contra a Covid-19 nesta quarta-feira, 20. O ato simbólico ocorrerá na Unidade de Saúde da Família (USF) da Arno 61 (503 Norte), às 10 horas, onde serão vacinados quatro profissionais da saúde atuantes na linha de frente de combate à Covid-19.

 

Nesta terça-feira, 19, o município recebeu do Estado as caixas contendo 3.331 doses da CoronaVac. Além das doses da vacina, foram entregues as agulhas e seringas correspondentes ao quantitativo que será utilizado na primeira aplicação do imunizante. 

 

De acordo com a Semus, as vacinas serão aplicadas nas próprias unidades de saúde onde os profissionais do grupo prioritário estão lotados. Além dos servidores municipais da saúde, profissionais de saúde que atuam na linha de frente nos hospitais estaduais e particulares também serão imunizados, conforme relação de trabalhadores enviada ao município pelos estabelecimentos de saúde e, ainda, condicionado à disponibilidade de doses.

 

A prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, afirmou que "a rede de saúde de Palmas está preparada para iniciar o Plano Municipal de Imunização. Cumpriremos com muita responsabilidade essa etapa de vacinação, na expectativa de que mais doses cheguem, para que possamos ampliar o número de pessoas imunizadas, pois sabemos o quanto a vacina é importante para conter o avanço e minimizar os efeitos do coronavírus", disse.

 

Profissionais de saúde ressaltam que os cuidados a fim de evitar aglomerações continuam, além do cumprimento de todas as medidas sanitárias no combate à disseminação da Covid-19.

 

Dentro de 21 dias, está previsto o repasse de outras 3.331 doses da vacina, equivalentes à segunda aplicação do imunizante contra a Covid-19, respeitando o intervalo recomendado de 28 dias entre a primeira e a segunda aplicação.

 

Polo de distribuição da sede central

 

O centro de distribuição da sede central, localizado em Palmas, contava com 27.712 doses armazenadas. Destas, 24.381 serão distribuídas aos municípios, que poderão retirar a vacina a partir das 14 horas desta quarta-feira, 20. As outras 3.331 doses foram entregues à Capital.

 

Polo de distribuição de Araguaína

 

Na tarde desta terça-feira, 19, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), está transportando 16.288 doses da CoronaVac para o polo de distribuição da Central Estadual de Imunização da região norte do Estado, em Araguaína. O quantitativo de doses atenderá 58 municípios que poderão retirar as vacinas a partir das 14 horas desta quarta-feira, 20. O transporte dos imunizantes é escoltado pela Polícia Militar.

 

O Estado oferecerá seringas e agulhas para os municípios que não compraram.

 

De acordo com a gerente de Imunização da SES, Diandra Rocha, "cada município receberá a quantidade baseada no número de pessoas contidas nos grupos prioritários, que compreendem a primeira fase de vacinação, que são os idosos residentes em instituições de longa permanência, indígenas que moram em aldeias e profissionais de saúde que atuam na linha de frente de combate à Covid-19", informou.

 

Salas

 

Para a campanha nacional de vacinação contra a Covid-19, o Tocantins contará com 314 salas de vacinação ativas e em média, 534 vacinadores atuarão nas aplicações.

 

Grupos prioritários

 

Conforme informações do governo do Tocantins, nesta primeira fase, serão imunizados trabalhadores da saúde, população indígena vivendo em terras indígenas e idosos com 60 anos ou mais, que estejam em instituições de longa permanência.

 

Quantitativo de doses

 

O Estado do Tocantins recebeu 44 mil doses da CoronaVac na noite de segunda-feira, 18. Na ocasião, foram imunizados três profissionais de saúde, que atuam no Hospital Regional de Gurupi, Hospital Geral de Palmas (HGP) e Unidade de Saúde da Aldeia Funil, em Tocantínia. Nesta primeira etapa, em todo o Estado serão vacinadas 22 mil pessoas.