Palmas, Tocantins -

Cidades


Acidente no Lago de Palmas
996 visualizações

Polícia indicia auditor do trabalho por acidente no lago que amputou perna de jovem

O piloto da lancha foi indiciado pela prática do crime de lesão corporal de natureza gravíssima, na modalidade dolo eventual
- Atualizada em
Descrição: Acidente ocorreu em setembro do ano passado Divulgação

A Delegacia Especializada em Investigações Criminais da Capital concluiu o inquérito que investigava o acidente ocorrido no lago de Palmas, em setembro do ano passado, que causou a amputação de uma das pernas de Crislania Sousa, de 22 anos. Conforme a Secretaria de Segurança Pública, o auditor do trabalho Humberto Célio Pereira, que conduzia a lancha que feriu a vítima, foi indiciado pela prática do crime de lesão corporal de natureza gravíssima, na modalidade dolo eventual.

 

Ainda de acordo com a SSP, o inquérito foi concluído nesta semana, na última quarta-feira, 31, e encaminhado ao Ministério Público Estadual. O auditor do trabalho prestou depoimento à polícia no início desta semana, negando que estava bebendo momentos antes do acidente, mas imagens registraram o suspeito consumindo bebida alcóolica na embarcação, enquanto pilotava a lancha. Sobre isso, o auditor informou que o fato de estar com cerveja na mão era apenas simulação.

 

Crislania Sousa chegou a ficar em coma na UTI do Hospital Geral de Palmas por 16 dias e passou 53 dias internada. De acordo com testemunhas, o barco estava ligado quando Crislania foi subir e o piloto teria supostamente acelerado, fazendo com que a jovem caísse e fosse sugada pela hélice da embarcação, tendo uma das pernas amputadas.