Palmas, Tocantins -
Em Minas Gerais

Prefeito de Dianópolis no I Seminário Nacional de Governança para o Turismo

Evento reuniu autoridades das três esferas governamentais e de entidades ligadas ao Turismo, debatendo sobre a importância dessa atividade para o desenvolvimento das cidades.
- Atualizada em
Prefeito discutiu fortalecimento do empreendedorismo dentro do Turismo. Ascom Dianópolis

Com o objetivo de conhecer as diretrizes que fomentam o turismo regional, o prefeito de Dianópolis, Padre Gleibson Moreira, participou essa semana do I Seminário Nacional de Governança para o Turismo, que aconteceu em Capitólio (MG), reunindo autoridades das três esferas governamentais e de entidades ligadas ao Turismo, debatendo sobre a importância dessa atividade para o desenvolvimento das cidades por meio do incremento de receita e da geração de empregos.

 

Durante o evento foram debatidos vários temas, sobre incentivo e qualificação de mão de obra, além do fortalecimento do empreendedorismo dentro do Turismo.

 

O município de Capitólio, tornou-se referência em Minas Gerais, com ações que impulsionaram o turismo. Uma delas foi o investimento em estrutura para receber os turistas. Atualmente, são 4 mil leitos de hotéis para uma cidade que possui menos de dez mil habitantes.

 

Entre os objetivos do Seminário, está a promoção das boas práticas de governança dos municípios turísticos brasileiros e a implementação da atividade turística como fonte de receita e geração de emprego. O evento, que começou na quinta-feira, termina neste sábado e conta com a presença de representantes do Ministério do Turismo, Sebrae, além de mais de 700 gestores municipais, empreendedores do trade turístico brasileiro, especialistas e parlamentares.

 

Na abertura do evento, o secretário nacional de Integração Interinstitucional do Ministério do Turismo, Bob Santos, falou sobre o potencial do turismo brasileiro e como tornar o país um destino mais competitivo no mercado mundial. “Precisamos repensar o turismo de forma mais atual, que nos aproxime da realidade e nos permita definir uma estratégia que dure pelos próximos 15 ou 20 anos. Além disso, temos todos os elementos necessários para um turismo da pós modernidade, onde público e privado caminham de mãos dadas, fortalecendo o setor como mola propulsora da agenda econômica”, ressaltou Bob Santos.

 

O Seminário conta também com a participação do presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo, deputado federal Herculano Passos (MDB-SP), e representantes da secretaria de Turismo de Minas Gerais e da Clia Brasil (Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos).

 

O evento é promovido pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), em parceria com a Associação Mineira de Municípios (AMM), a prefeitura de Capitólio e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), e conta também com a Feira de Negócios Turísticos Destinos do Brasil – Edição Minas Gerais, onde produtos turísticos gastronômicos - queijo canastra, cachaça e pratos com peixes de pesca - são expostos, além de apresentações culturais do estado.

 

O prefeito de Dianópolis, Padre Gleibson Moreira, falou sobre a importância do evento. “Dianópolis vive um momento ímpar, com as Serras Gerais, localizada na região Sudeste do Tocantins. Somos a maior cadeia de serras do Brasil. Estamos com vários projetos para fomentar o Turismo na nossa região. Temos inúmeros atrativos, entre cachoeiras, cânions, rios, lagos, lagos, grutas, cavernas, trilhas. Participar desse evento está sendo uma grande oportunidade para conhecer o que podemos fazer pelo Turismo em Dianópolis e pelas Serras Gerais. Viemos em busca de conhecimento, avaliar as experiências vividas em Capitólio, com o objetivo de alavancar o turismo nas Serras Gerais”, disse o prefeito, destacando que o município já se prepara para articular a união das cidades que compreendem as Serras Gerais e o Jalapão, para promover o turismo da região. “Vamos levar as Serras Gerais para o mundo. Dianópolis está de braços abertos para receber o turista e aqueles que querem investir no turismo”, finalizou.  (Com informações do MTur)