Palmas, Tocantins -
Ribeirinhas: Donnas do Rio

Primeira equipe feminina se prepara para disputar Torneio de Pesca de Araguaína

A “Ribeirinhas: Donnas do Rio” é uma das equipes já inscritas na competição, que será realizada entre os dias 16 e 18 de agosto. As inscrições seguem abertas até o dia do evento
- Atualizada em
“Ribeirinhas: Donnas do Rio” é uma das equipes já inscritas na competição Marcos Sandes/Ascom

O Torneio Araguaína de Pesca Esportiva terá pela primeira vez uma equipe totalmente formada por mulheres, em sua terceira edição. A equipe Ribeirinhas: Donnas do Rio é uma das já inscritas na competição que será realizada entre os dias 16 e 18 de agosto, no Povoado Garimpinho. As inscrições seguem abertas até o dia de seu início, às 16 horas. Os registros podem ser efetuados pelo site da Prefeitura ou pessoalmente na praia do povoado.


 
A funcionária pública Raimunda da Silva, mais conhecida como Mundica, é uma das quatro integrantes do grupo formado por mulheres que conhecem bem as águas do Rio Araguaia. Ela explicou que o grupo se uniu com o intuito de mostrar o importante papel da mulher na população ribeirinha. “Donna, com duas letras n, tem origem na língua italiana e se refere a uma realizadora, uma criadora”.


 
Além de Mundica, o quarteto é formado pela veterinária Nilda Távora, a estudante Priscila Bastos e a agente comunitária de saúde Alberniz Gomes. Todas nascidas e criadas no Povoado Garimpinho. Para Alberniz, o torneiro é uma oportunidade de se ligar novamente às origens. “A gente vai envelhecendo e vai deixando essas coisas pelo trabalho. Essa vai ser uma oportunidade única para mim, nunca participei antes”, contou.
 


Direção regulamentada


O barco da equipe será comanda pela agente de saúde, que obteve a arrais amador durante o curso promovido pela Prefeitura em parceria com a Marinha, disponibilizado gratuitamente aos moradores e turistas do Garimpinho no mês de julho. Ao todo, foram habilitadas 25 pessoas para a pilotagem de pequenas embarcações, como canoas e jet-skis.


 
A competição


A competição terá premiação total de R$ 17.500, divididos entre os três primeiros colocados em cada uma das cinco modalidades. A taxa é de R$ 300 por equipe, que pode ser composta por até três pessoas. O regulamente ainda permite mais um no barco, condutor ou guia. A participação de menores de idade é permitida apenas tendo seu responsável como companheiro de equipe. Na inscrição, deve ser registrado o nome da equipe e um membro como capitão.


 
Dicas de pescaria


O pescador Cleidson da Silva é outro nascido e criado às margens do Rio Araguaia que irá participar da competição. De acordo com ele, não há muito segredo na pescaria e que o importante é testar os locais para encontrar o peixe premiado.


 
“De manhã, se busca o Pacu e o Piau, ao meio dia é o Tucunaré e mais à noite se tenta os peixes de couro. O bom é não perder muito tempo. Se não pegar nada durante uma hora em um local, já vai para outro”, explicou.