Palmas, Tocantins -

Cidades


Luto
1.703 visualizações

Vítima de câncer, morre aos 53, a colunista e pioneira de Palmas, Kibb Barreto

Kibb Barreto estava internada no Hospital Geral de Palmas (HGP) e faleceu na madrugada deste domingo, 31. Governo, personalidades públicas, sindicato e amigos lamentam a morte da jornalista.
- Atualizada em
Descrição: Jornalista Kibb Barreto Arquivo Pessoal

O corpo da jornalista e colunista pioneira de Palmas, Schislene Souza Barreto, mais conhecida como Kibb Barreto, seguiu no final da tarde deste domingo, 31 de junho, para sepultamento na cidade de Goiânia-GO.  Ela faleceu na madrugada do mesmo dia, vítima de um câncer na bexiga, no Hospital Geral de Palmas (HGP).

 

Antes do corpo ser levado para a capital goiana, amigos, familiares e figuras políticas do Estado fizeram uma breve homenagem à colunista assim que o corpo deixava uma funerária de Palmas. Confira vídeo da despedida no final da matéria.

 

Kibb Barreto era natural de Goiânia – GO e chegou ao Tocantins quando a capital estava provisoriamente em Miracema. A colunista contribuiu muito para o desenvolvimento de Palmas, atuando na área da Comunicação Social. 

 

Notas de Pesar

 

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins (Sindijor/TO) destacou que foi com imensa tristeza que os jornalistas do Estado receberam a notícia do falecimento da querida Kibb Barreto, aos 53 anos, ocorrido neste domingo, 31 de maio.  "Kibb era daquelas pessoas intensas, ela se doava com grandeza pelos amigos, principalmente se fosse jornalista. Amava reunir todos em torno das iguarias deliciosas que preparava e não media esforços pra ajudar a quem precisava. Chegou a Palmas no início de tudo, se apaixonou por essa terra, e fez dela o cantinho mais que especial. Criou os filhos (Yuri e Lincoln) e laços de amizades, conquistou amigos inseparáveis", destacou o sindicato em nota. 

 

O Sindjor Tocantins teve nela uma apoiadora singular, principalmente nas duas últimas gestões, onde ela fazia questão de participar de tudo. Neste momento de dor e luto  o sindicato se solidariza com os filhos, familiares e amigos. "Pedimos a Deus o entendimento da partida tão precoce e já sentindo muita falta da amiga Kibb Barreto", finalizam em nota. 

 

O Governador do Tocantins, Mauro Carlesse, em nota, declarou que é com muito pesar que recebeu a triste notícia do falecimento da jornalista Kibb Barreto. Carlesse destacou que a pioneira foi atuante nas várias vertentes do jornalismo no Estado do Tocantins, além de uma consolidada carreira, deixa um legado de luta por sua classe e o bem informar por meio de um jornalismo isento e fundamentado na liberdade de expressão e na verdade. "Nesse momento de profunda tristeza, peço ao nosso Deus eterno que, por meio de seu Espírito Santo, console os corações de seus dois filhos, demais familiares e inúmeros amigos e colegas que certamente sente com a partida prematura de Kibb Barreto", disse o governador. 


O vice-governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, informou que com consternação recebeu a triste notícia do falecimento da jornalista Kibb Barreto neste domingo, 31.  Wanderlei destacou que a jornalista era pioneira e consagrada no Tocantins na área da comunicação, foi vice-presidente na Redesat, também trabalhou com o saudoso Salomão Wenceslau no O Jornal. "Exercia seu trabalho com seriedade, sem nunca perder o humor. Seu legado, certamente, será lembrado ainda por muitas gerações e merece o nosso respeito e admiração. Sua morte representará um grande vazio para o jornalismo tocantinense. Solidarizamo-nos com a família, amigos e colegas de trabalho por esta perda irreparável. Que Deus em sua infinita bondade possa acolhê-la e conceder o conforto a todos que aqui ficamos", disse Wanderlei. 

 

A Prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, ressaltou que  é com muita tristeza que recebeu a notícia do falecimento da querida jornalista. "O que podemos pedir a Deus nessa hora é que o consolo Dele seja com todos aqueles que a amavam e, em especial, aos filhos Lincoln Filho e Yuri. E que a alegria de viver, solidariedade, amor ao trabalho que eram suas marcas fortes possam se perpetuar em todos que tiveram o privilégio de tê-la por perto em algum momento da vida", expressou. 

 

Para o secretário estadual da Comunicação, Élcio Mendes, o  Tocantins perde um ícone da nossa comunicação. "Kibb Barreto ajudou a contar a história do nosso Estado e agora está também marcada nela. Me lembro da Kibb com uma presença sempre marcante, personalidade forte, posições firmes e decidida. Deixa muitas saudades em todos nós. Rogo a Deus para que conforte o coração de todos nós, os amigos, familiares, e principalmente os filhos, que neste momento precisam ainda mais do nosso apoio", ressaltou o secretário.

 

Em nota, o depudado estadual Valdemar Júnior expressou que foi com profunda tristeza e pesar que recebeu a informação do falecimento da nossa querida amiga Schislene Souza Barreto, conhecida carinhosamente por todos, como Kibb Barreto, ocorrido na madrugada deste domingo, dia 31, no Hospital Geral de Palmas, em decorrência de um câncer na bexiga. "Companheira e amiga de grandes jornadas, tive o prazer de tê-la como colega de trabalho na Fundação Radiodifusão Educativa do Tocantins (Redesat) onde ela também ocupou o cargo de vice-presidente. Siga em paz, minha querida amiga, você descansou, e tenho certeza de que está agora no céu, olhando por todos nós. Os meus mais sinceros sentimentos a toda família, amigos, em especial aos seus filhos Lincoln e Yuri, pela perda irreparável de sua mãe", disse o deputado em nota. 

 

Em nota, a deputada estadual Claudia Lelis relatou que foi com grande tristeza e profundo pesar que recebeu a notícia do falecimento da sua querida amiga, a jornalista Kib Barreto. "Sua alegria, bondade e amor ao próximo serão sempre lembrados. Kib contribuiu muito para a comunicação tocantinense e deixará muitas saudades. Neste momento de dor e tristeza meus sentimentos aos familiares e amigos, especialmente aos filhos Lincoln Junior e Yuri. Que Deus em sua infinita sabedoria conforte a todos", destacou a deputada.  

 

A Agência Tocantinense de Saneamento (ATS), por meio do presidente Antonio Davi Goveia Junior, destacou que é com sentimento de tristeza, que manifesta seu pesar pela morte da jornalista Kib Barreto, mãe do servidor da Agência, Yuri Lucas Barreto Fernandes. "A ATS presta condolências e solidariedade neste momento tão difícil ao nosso servidor, sua família e amigos", declaram em nota. 

 

A deputada federal, Dulce Miranda e o ex-governador do Tocantins, Marcelo Miranda, declararam que com os corações entristecidos se juntam à classe jornalística tocantinense que está abalada com a partida da grande comunicadora Kibb Barreto. Em nota, ressaltam que Kibb contribuiu com os seus serviços em algumas das suas passagens frente ao Governo do Tocantins, oportunidade que puderam conhecê-la mais de perto, e saber que além de uma boa jornalista, não tinha medo de falar o que pensava, de sugerir com ideias criativas e enfrentar as adversidades que apareciam pela frente, mas sempre de cabeça  erguida, e foi assim até o final.

 

"Neste momento de perda incalculável, rogamos a Deus que ampare com todo o Seu amor os filhos Lincoln e Yure e demais familiares. Vocês já estão acolhidos em nossas orações, e podem sentir muito orgulho do que a mulher Kibb Barreto fez e foi para a comunicação tocantinense. Descanse em paz, grande amiga. Você agora é mais uma estrelinha no céu. Com as nossas mais sinceras condolências e sentimentos", finalizam. 

 

A deputada estadual Valderez Castelo Branco também manifestou sua tristeza ao receber a notícia do falecimento da colunista. "Neste momento tão doloroso rogamos a Deus para que dê forças aos familiares e amigos, especialmente aos seus filhos Linconl Filho e Yuri e aos sempre amigos jornalistas, para que todos e todas tenham como lenitivo a esperança da ressurreição", disse a deputada em nota. 

 

A  Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Tocantins, por meio do presidente Fabiano do Vale, também manifestou profundo pesar pelo falecimento da jornalista.  "Prestamos nossa solidariedade com toda a família e amigos neste momento de imensa dor", disseram em nota. 

 

O Prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, em nota, disse que neste momento de dor e luto se solidariza com os filhos, Yuri e Lincoln, familiares e amigos da jornalista Kibb Barreto. "Kibb chegou ao Tocantins logo após a sua criação, exercendo a sua profissão com maestria e sendo um exemplo para todos na sua àrea, sendo pioneira no jornalismo tocantinense. Foi vice-presidente da extinta Redesat e contribuiu para o desenvolvimento da Comunicacão no nosso Estado", destacou em nota. 

A deputada Dorinha também se manifestou. "Com profundo pesar, a deputada professora Dorinha (DEM) classifica o falecimento da jornalista Kibb Barreto como uma grande perda a comunicação do estado. Como colunista social, Kibb foi inspiração e referência. Seu trabalho foi pautado na ética, no bom gosto e no zelo com a imagem das pessoas. Nas redes sociais,  amigos registram a grandeza de Kibb, que transbordava no trato pessoal e no trabalho diário. Como mulher e líder política, Dorinha agradece os anos de dedicação de Kibb como pioneira no trabalho jornalístico do estado e por sua grande contribuição na construção da narrativa que conta a história do Tocantins" disse.
 

 

Notícias sobre:

morte kibb barreto jornalista