Palmas, Tocantins -
Redação

Redação


Colunista do editorial Curtas

Justiça do TO

Tribunal de Justiça ultrapassa meta do CNJ, ao julgar 22 mil processos em 2018

- Atualizada em

Os esforços concentrados para julgar quantidade maior de processos de conhecimento do que os distribuídos em 2018 renderam ao Tribunal de Justiça do Tocantins bons resultados no cumprimento da meta estabelecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para 2018. Em 2º instância, o Poder Judiciário estadual fechou o ano com índice de 103,67% na Meta 1 do CNJ. Conforme os dados extraídos do painel de informações Cenarius, disponível no site do TJTO, durante o ano passado 21.352 processos foram distribuídos no 2º grau e 22.136 foram julgados pela Corte. Números positivos que resultaram no índice de 103,67% de cumprimento da Meta 1, com média de 103,5% na área cível e 104,31% na área criminal. Na análise da evolução mensal do quantitativo de processos, o Judiciário manteve os índices positivos ao longo do ano, com destaque para os números registrados no mês de maio, quando 1.623 processos foram distribuídos e 2.601 julgados. Vale ressaltar ainda que a meta do CNJ foi alcançada pelo TJTO em outubro, quando o 2º grau atingiu 101,13% da Meta 1.