Palmas, Tocantins -

#Eleições2016


Reunião de Rafael Guirolle
2.520 visualizações

Amastha destaca 100% de cobertura na atenção básica de Saúde em Palmas em julho

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, só em 2016, de 1º de janeiro até 15 de agosto, foram realizadas 260.217 consultas médicas e de enfermagem
- Atualizada em
Descrição: Amastha participa de reunião de Rafael Guirolle Foto: Ascom/PSB

Com a marca de 100% de cobertura na atenção básica de Saúde, alcançada no último mês de julho segundo o Ministério da Saúde, o prefeito de Palmas e candidato à reeleição pela coligação “Palmas Bem Cuidada”, Carlos Amastha (PSB), afirma que sente orgulho do serviço prestado pela Prefeitura ao cidadão palmense. “Temos que melhorar ainda mais os serviços, sim temos. Mas em comparação ao serviço prestado em muitas outras cidades brasileiras e pelo Estado, o nosso em qualidade não tem nem comparação. Sim, porque há de separar aqui em Palmas, o que é de responsabilidade do Estado e o que é de responsabilidade da Prefeitura”, ponderou Amastha, durante reunião realizada pelo candidato a vereador Rafael Guirolle (PRP), na sede do Sindicato dos Corretores de Seguro no Estado do Tocantins (Sincor – TO), na noite desta segunda-feira, 22.

 

Amastha lembrou aos presentes que a atual gestão entregou 13 unidades de saúde; que outras três serão entregues nos próximos 60 dias (409 Norte, 207 Sul e Setor Sul); reformou e ampliou outras cinco unidades; que alguns ajustes estruturais foram feitos na UPA Sul e a UPA Norte teve a obra concluída nesta gestão; implantou o Crefisul, maior centro de fisioterapia público da Capital, e estão em andamento as obras do Crefinorte (303 Norte) ; as obras do centro de especialidades (405 Sul) estão em fase de conclusão e o local terá capacidade para pequenas cirurgias. “Isto é um salto de qualidade muito grande. Sabe quantos políticos podem falar de saúde no Brasil? Hoje mesmo assistia uma reportagem onde se falava e mostrava 100 UPAS com obras paradas por todo o país. Qual a diferença entre Palmas, Tocantins e o Brasil? A resposta é gestão, respeito com a coisa pública”, ressaltou Amastha que ainda pontuou na educação e infraestrutura proporcionados pela atual gestão de Norte a Sul na Capital.

 

Guirolle apresentou suas propostas voltadas à assistência ao trabalhador desempregado, ao esporte, ao acolhimento de idosos e à área da saúde. “Há quatro meses tive um problema de saúde e fui parar na UPA Norte, sai de lá encantado com a estrutura e a qualidade no atendimento, por isso, um dos meus projetos é lutar para termos mais especialistas atendendo nas nossas unidades de saúde, para que o atendimento seja ainda mais ágil, e claro, com a qualidade que já nos habituamos na rede municipal”, pontuou Guirolle.

 

Enquanto falava dos avanços na saúde, o aposentado Péricles Carvalho, 66 anos, que estava presente na reunião, interrompeu o prefeito Amastha, para falar de como foi bem atendido na rede municipal de saúde. “Sempre paguei plano de Saúde e nunca dei muita atenção à saúde, hoje tenho certeza que era por causa do mau serviço prestado pelo plano. Fiquei sem plano, precisei de me consultar e o bom atendimento prestado no posto de saúde me motivou a fazer todos os exames pedidos, e falo de coração, que fui muito bem atendido, consegui fazer todos os exames e que o atendimento é o melhor, pois temos mais calor humano. A gente sente que o SUS é da gente”, resumiu o aposentado.

 

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, só em 2016, de 1º de janeiro até 15 de agosto, foram realizadas 260.217 consultas médicas e de enfermagem e 13.725 atendimentos referentes à primeira consulta odontológica.