Palmas, Tocantins -

Estado


PRF e Polícia Civil
587 visualizações

Ação conjunta desarticula grupo criminoso de furto e venda ilegal de combustível

Flagrante foi entre Nova Rosalândia e Oliveira de Fátima. A investigação começou após a PRF receber informações sobre a prática criminosa no local de forma reiterada
- Atualizada em
Divulgação PRF

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Civil efetuaram a prisão em flagrante de cinco pessoas pelos crimes de furto qualificado, praticado em continuidade delitiva e organização criminosa, venda e armazenamento irregular de combustíveis. O flagrante ocorreu na madrugada desta sexta-feira, 10, por volta das 4 horas, na BR 153, próximo à divisa entre os municípios de Nova Rosalândia e Oliveira de Fátima. Um sexto homem conseguiu fugir pelo mato quando viu a aproximação das viaturas. 

 

Dos cinco homens presos, quatro são motoristas da empresa vítima do crime e um é o proprietário do estabelecimento clandestino. O homem que conseguiu fugir foi identificado como receptador do combustível ilícito.

 

A investigação começou após a PRF receber informações sobre a venda ilegal de combustíveis no referido local, conduta praticada de forma reiterada. Após levantamento de maiores informações, constatou-se a procedência da denúncia anônima.

 

 

 

 

Apurou-se de forma preliminar que motoristas responsáveis pelo transporte de combustíveis da empresa paravam constantemente os caminhões no local, em atitudes suspeitas.

 

 

Postos de combustíveis que eram os destinatários finais

 

A PRF destacou também que os postos de combustíveis que eram os destinatários finais dos combustíveis transportados pelos referidos motoristas presos, perceberam nos últimos meses, diferenças significativa entre a quantidade de combustíveis efetivamente expelidos pelas bombas ejetoras e a quantidade de combustíveis supostamente despejados pelos caminhões tanques.

 

Depois de levantamento de dados realizados pelas equipes da PRF e da Polícia Civil, estas se reuniram e fizeram o acompanhamento tático dos caminhões e em seguida o flagrante do crime.

 

O primeiro caminhão parou no local do crime por volta das 3h30 e retirou o combustível, e logo em seguida saiu pela BR-153 em direção a Oliveira de Fátima. Por volta das 4h00, outros dois caminhões da mesma empresa pararam no mesmo local para praticar o crime.

 

 

 

 

Os flagras

 

Quando estavam executando a prática criminosa, as equipes policiais flagram os indivíduos enchendo galões de combustível com mangueiras ligadas diretamente aos caminhões da empresa.

 

Um receptador participante do esquema estava no local e já havia colocado alguns galões de combustível na carretinha de sua Camionete S10, mas ao verificar a aproximação da polícia conseguiu evadir do local.

 

Os outros indivíduos que foram presos confessaram a prática dos delitos, sendo informado que outros motoristas da referida empresa também fazem parte do esquema criminoso. 

 

Após a prisão dos três motoristas e do proprietário do estabelecimento clandestino, um quarto caminhão da empresa se aproximou do local, mas o motorista ao perceber a presença de policiais, tentou se evadir pela BR-153, mas a equipe conseguiu realizar a abordagem e prender o suspeito.

 

No local e com os envolvidos foram apreendidos aproximadamente 1.200 litros de gasolina, aproximadamente 700 litros de diesel, R$ 2.088,00em espécie, vários lacres utilizados para lacrar os caminhões de combustíveis, alguns intactos e outros violados e os celulares utilizados pelos criminosos.