Palmas, Tocantins -
A partir de Julho
940 visualizações

Anúncio de voo entre Palmas e Recife repercute na mídia nacional especializada

A Azul vai operar, inicialmente, com uma frequência semanal de Palmas para Recife, aos sábados, saindo da capital do Tocantins, às 10h45, e retornando de Recife, às 16h10
- Atualizada em
Palmas terá voo direto para Recife, ligando a capital ao nordeste brasileiro Divulgação

O anúncio de um voo direto entre Palmas e Recife feito pelo governador Mauro Carlesse e representantes da empresa aérea Azul nessa quinta-feira, 11, repercutiu nacionalmente nos veículos especializados. Airway, do UOL; Aeroflap; Mercados e Eventos; Valor, do Grupo Globo; além do site Melhores Destinos foram alguns dos que trouxeram as informações da nova rota.

 

A nova rota só foi possível após a redução da base de cálculo do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) nas operações internas com Querosene de Aviação (QAV) e Gasolina de Aviação (GAV), estabelecida pela Lei n° 3.439/2019, de 4 de abril de 2019, oriunda da Medida Provisória n° 04/2019, enviada à Assembleia Legislativa pelo governador Mauro Carlesse, no dia 8 de fevereiro deste ano.

 

A alíquota, que era de 14%, passa a ser reduzida de forma progressiva, entre 7% e 3%, conforme o investimento da empresa aérea na aviação comercial dentro do Estado. A intenção do Governo, com a decisão, é fomentar o setor de aviação no Estado, oportunizando a ampliação do número de rotas de voos que contemplem o Tocantins como ponto de partida e de chegada, tendo referência não só a Capital, mas também outros municípios.

 

A Azul vai operar, inicialmente, com uma frequência semanal de Palmas para Recife, aos sábados, saindo da capital do Tocantins, às 10h45, e retornando de Recife, às 16h10.  As passagens já estão à venda no site da companhia.

 

O governador Mauro Carlesse avaliou a medida como algo que vai impactar positivamente tanto o turismo, como o agronegócio e os investidores que queiram vir para o Tocantins. “É um primeiro passo. É preciso que a gente dê condições para que os empresários encontrem facilidades e uma logística adequada para investir no Tocantins. O Governo está em negociação com outras companhias aéreas e, em breve, vamos ter mais novidades sobre isso”, avaliou.

 

 

Notícias sobre:

governo voo azul palmas recife