Palmas, Tocantins -

Estado


Eleição da OAB-TO
197 visualizações

Após pedido de suspeição, Valcy Ribeiro diz que conduzirá eleição com transparência

Presidente da Comissão Eleitoral da OAB afirmou, em nota, que o processo eleitoral será comandado por ele com ética e sem “quaisquer predileções”.
- Atualizada em
Descrição: Presidente da Comissão Eleitoral da OAB, Valcy Ribeiro. Divulgação/Facebook

O presidente da Comissão Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-TO), Valcy Barbosa Ribeiro, se manifestou através de nota nesta quinta-feira, 7, após pedido de suspeição pelo movimento Vozes da Advocacia, que respalda a pré-candidatura à presidência da instituição, Ester Nogueira. Valcy Barbosa afirmou que conduzirá o processo eleitoral com transparência, ética e “desapegado de quaisquer predileções”.

 

“Não obstante, ao aceitar o desafio que é presidir a Comissão Eleitoral das Eleições OAB/2021 o faço desapegado de paixões e quaisquer predileções, primando pelo que há de mais importante, minha idoneidade e dever para com a classe que faço parte. Obviamente a ilustre pré-candidata se apega a fatos pretéritos para sustentar sua tese, mas fitando os olhos no futuro tenho o fiel compromisso de conduzir os procedimentos de modo a garantir a lisura, isonomia e transparência necessária ao êxito do Processo Eleitoral que elegerá a Diretoria da OAB Seccional Tocantins para o próximo triênio”, diz em um trecho.

 

Na nota, Valcy Barbosa nega os argumentos do grupo e diz que sua nomeação “se deu nos estritos ditames da Lei de regência, notadamente conforme o que dispõe o artigo Art.2º do Provimento 146/2011, mas sobretudo pela minha conduta ética e moral ao longo de minha carreira profissional que me dão a tranquilidade em saber que não há e não haverá mácula que me desabone, seja qual for a condição que eu ocupe”.

 

O pedido de suspeição feito pelo movimento Vozes da Advocacia defende que “o Excepto VALCY BARBOZA RIBEIRO possui uma enorme gratidão e admiração pelo atual Presidente da OAB/TO e pré-candidato à reeleição. Além de ter sido associado do Escritório do Sr. Gedeon Batista Pitaluga Junior, por mais de 5 (cinco) anos, o Presidente da Comissão Eleitoral é seu amigo íntimo há mais de 15 anos”, destaca um trecho da peça assinada por Ester Nogueira.

 

Confira a nota do presidente da Comissão Eleitoral na íntegra:

 

"Ao tomar nota do Incidente de suspeição aviado pela pré-candidata Ester de Castro Nogueira Azevedo, antes demais nada me coloco na condição imparcial para fazer uma análise técnica, entendendo que a mesma age dentro do seu exercício regular do direito que lhe é reservado de questionar o que entende devido. Não obstante, ao aceitar o desafio que é presidir a Comissão Eleitoral das Eleições OAB/2021 o faço desapegado de paixões e quaisquer predileções, primando pelo que há de mais importante, minha idoneidade e dever para com a classe que faço parte. Obviamente a ilustre pré-candidata se apega a fatos pretéritos para sustentar sua tese, mas fitando os olhos no futuro tenho o fiel compromisso de conduzir os procedimentos de modo a garantir a lisura, isonomia e transparência necessária ao êxito do Processo Eleitoral que elegerá a Diretoria da OAB Seccional Tocantins para o próximo triênio.

 

Portanto, é importante dizer que a minha nomeação se deu nos estritos ditames da Lei de regência, notadamente conforme o que dispõe o artigo Art.2º do Provimento 146/2011, mas sobretudo pela minha conduta ética e moral ao longo de minha carreira profissional que me dão a tranquilidade em saber que não há e não haverá mácula que me desabone, seja qual for a condição que eu ocupe. No tocante a arguição de que eu possa ter amizade ou afinidade por qualquer candidato, importante lembrar que somos todos advogados e convivemos em harmonia e cortesia com todos os colegas que temos o prazer de conviver no dia a dia da advocacia, talvez por isso não há previsão legal de suspeição ou impedimento fundada em amizade ou mesmo inimizade. Por fim, manifesto profundo respeito por todos os candidatos que tenham a coragem e honradez de colocarem seus nomes a disposição da classe de Advogados e Advogadas Tocantinenses, ao tempo que desejo que o processo eleitoral transcorra de forma pacífica e ordeira até o seu término".

 

Valcy Ribeiro - Presidente da Comissão Eleitoral OAB/TO 2021