Palmas, Tocantins -

Estado


R$ 10 milhões
700 visualizações

Com recursos já liberados, obra da nova sede dos Bombeiros será iniciada em março

Com os recursos já liberados pela Caixa Econômica, no valor de mais de R$ 10,2 milhões , as obras da nova sede do Corpo de Bombeiros têm previsão para a segunda quinzena de março.
- Atualizada em
Descrição: Nova sede do QCG terá área total construída 3.557,79m2. divulgação

A empresa Designe Engenharia e Serviços de Construção será a responsável pela execução de obra de construção da nova sede do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (QCG), cujo valor total é de mais de R$ 10,2 milhões, que já foram liberados pela Caixa Econômica. A previsão de início das obras é para a segunda quinzena de março, de acordo com a assessoria da corporação. O prazo para conclusão é de 16 meses.

 

A nova sede do QCG será na Avenida JK, nas proximidades do Capim Dourado Shopping, com área total construída de 3,5 mil metros quadrados em terreno de 43 mil metros quadrados. Serão três pavimentos, com elevador e escadas de acesso aos pavimentos, estrutura metálica, guarita com alojamentos, fachada envidraçada, telhado com claraboia, pátio para formaturas, estacionamento com manobra de viaturas.

 

De acordo com as justificativas apresentas no processo licitatório, a construção da nova sede se faz necessário devido à necessidade da construção de um novo Quartel do Comando Geral do CBMTO, pois o atual não possui instalações estruturais, elétricas e hidro sanitárias adequadas para atender as necessidades institucionais, visto que funciona nas instalações do Antigo Aeroporto de Palmas.

 

“Com crescimento populacional do Estado do Tocantins, houve consequentemente aumento gradativo no número de ocorrências atendidas pelo CBMTO, o que implicou também no aumento de efetivo, o que exigiu a necessidade de local adequado para prestação de serviços pelos nossos militares”, explica o comandante CBMTO, coronel Reginaldo Leandro da Silva.

 

A construção de um novo prédio para abrigar a sede administrativa do CBMTO é indispensável para o cumprimento da missão constitucional de proteção à vida e bens, a proteção e desenvolvimento sustentável do meio ambiente e proteção do patrimônio, atendendo ao efetivo que compõem o Quartel do Comando Geral.

 

A nova sede do QCG ficará numa localização estratégica tanto para o atendimento das ocorrências no centro da cidade como para o atendimento à sociedade em geral “que busca nossos serviços técnicos de prevenção a incêndio e pânico”, observa o comandante Reginaldo Leandro.