Edital seleciona servidores para participarem do Grupo de Intervenções Rápidas

Só poderão inscrever-se os servidores Técnicos em Defesa Social ou Policiais Civis; os selecionados para compor o GIR ficarão na base em Palmas, mas também precisarão ter disponibilidade para deslocar

Foto Ilustrativa da composição do GIR
Descrição: Foto Ilustrativa da composição do GIR

Devido à necessidade de um grupo especializado para intervenção nas unidades prisionais, com eficiência e agilidade, foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira, 29, o edital de seleção de servidores para comporem o Grupo de Intervenções Especiais (GIR), criado no início de junho. São 21 vagas para o GIR, sendo 18 masculinas e três femininas, e as inscrições podem ser feitas gratuitamente na Escola Penitenciária do Tocantins, do dia 22 a 28 de julho.

 

Só poderão inscrever-se os servidores Técnicos em Defesa Social ou Policiais Civis. No Caso de ser policial, o servidor precisa ter cinco anos de experiência comprovada no Sistema Penitenciário do Tocantins. Os servidores selecionados para compor o GIR ficarão na base em Palmas, mas também precisarão ter disponibilidade para deslocar-se sempre que requisitados para outras unidades do Estado.

 

O processo seletivo será composto por três fases, sendo a primeira composta por prova de aptidão física, a segunda um exame psicotécnico e psicossocial e a última fase consistirá na realização de um curso de capacitação. Ao final de cada etapa será divulgado o resultado no site oficial da Seciju e no DOE.

 

Cronograma
As inscrições estarão abertas até dia 28 de julho e a divulgação das inscrições homologadas no dia 03 de agosto. O curso de formação terá início dia 28 de agosto e vai até o dia 15 de setembro, sendo que neste mesmo dia também será publicado o nome dos 21 servidores que irão compor o Grupo de Intervenções Rápidas do Tocantins. 

Comentários (0)