Palmas, Tocantins -

Estado


Inscrições abertas
540 visualizações

Educação abre inscrições para cadastro reserva de professores para sistema prisional

As inscrições iniciaram na terça-feira, 16, e seguem até dia 21 de fevereiro. A demanda é exclusiva para o sistema prisional
- Atualizada em
Márcio Vieira/Governo do Tocantins

A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) abriu inscrições para o processo Seletivo Simplificado para cadastro reserva, demanda exclusiva do sistema prisional, de profissional para atuar como professores regentes e/ou instrutores monitores presencial - bolsista nos cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC). As inscrições iniciaram na terça-feira, 16, e seguem até dia 21 de fevereiro.

As inscrições estão abertas para formação de cadastro reserva de profissionais para atuarem nos cursos: Auxiliar Pedagógico, Agricultor Familiar, Cabeleireiro, Mecânico de Refrigeração Residencial, Pedreiro de Alvenaria e Pintor de Obras Imobiliárias. Esses curso serão ofertados nos municípios de: Augustinópolis, Araguacema, Formoso do Araguaia, Palmeirópolis, Natividade, Palmas, Talismã e Taguatinga, junto ao Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego – Pronatec/Novos Caminhos.

 

Candidatos podem solicitar a inscrição por meio de preenchimento de formulários que estão disponíveis no edital publicado na página da Seduc, assim como a lista de documentos necessários. Todo o material exigido para a inscrição deve ser enviado, exclusivamente, para o endereço eletrônico: editais.pronatec@seduc.to.gov.br.


Entre os requisitos mínimos para a inscrição estão a exigência de formação em nível técnico ou nível superior compatível com a área de conhecimento do curso pretendido, ou aptidão (habilidade) com experiência, atestada por declaração, emitida por empresa contratante e/ou Carteira Profissional de Trabalho pelo candidato, na área pretendida; ter disponibilidade para atuação na função, de acordo com as solicitações da Seduc e das Unidades Penais e ter disponibilidade para participar de reuniões e formações fora do município em que reside, quando solicitado.