Estado fecha primeiro quadrimestre do ano com folha a 40% da receita líquida

Secretário da Fazenda, Júlio Edstron, informou ao T1 Notícias que, até o momento, o Estado fecha com 39,14% de comprometimento das receitas líquidas, mas que não ultrapassará 40% até o final do mês

O secretário da Fazenda, Júlio Edstron Secundino Santos, informou em primeira mão ao T1 Notícias nesta segunda-feira, 16, que mesmo com todas as concessões de direitos aos servidores públicos estaduais, o Governo do Estado fecha o primeiro quadrimestre do ano, até aqui, em 39,14% de comprometimento das receitas líquidas. "Os números do primeiro quadrimestre são apurados a partir do dia 10 até o final do mês, mas o que apuramos até aqui é que chegaremos no máximo em 40% do comprometimento dos valores da folha", disse ele ao T1 Notícias.

 

Segundo o secretário, o tripé macroeconômico do Estado se encontra equilibrado e não há possibilidade de que o Governo deixe de cumprir os seus compromissos com servidores ao longo do ano, dentro do que está programado no orçamento estadual.

 

"Os números estão além do que nós esperávamos e refletem essa disposição para o controle dos gastos públicos, que é uma determinação do governador Wanderlei Barbosa", finalizou Júlio Edstron.

Comentários (0)