Palmas, Tocantins -
4 mil educadores
1.500 visualizações

Estado libera R$ 30 milhões para os professores contratados com salários atrasados

Esses servidores, conforme o superintendente, receberam os vencimentos relativos aos meses de fevereiro e março
- Atualizada em
Cerca de R$ 30 milhões são liberados para pagamento de vencimentos Divulgação

O Governo do Tocantins liberou nesta sexta-feira, 12, o pagamento dos salários atrasados dos professores contratados que estão em atividade nas escolas da rede estadual. Ao todo, cerca de R$ 30 milhões foram disponibilizados nas contas dos mais de 4,1 mil funcionários que tiveram os termos de contratos liberados no final do mês de março.

 

De acordo com o superintendente de Gestão de Pessoas da Seduc, Luciano Gomes, os salários desses servidores constam em folha complementar e já estão disponíveis para saque. “Realizamos o pagamento dos profissionais da educação que tinham vínculo com o Estado até dezembro de 2018 e que estão em atuação desde o dia quatro de fevereiro”, pontuou.

 

Esses servidores, conforme o superintendente, receberam os vencimentos relativos aos meses de fevereiro e março.

 

Outras categorias

 

Para os demais servidores que desenvolveram atividades entre os meses de fevereiro e março, a planilha de cálculo para a liberação dos pagamentos está pronta. Atualmente, o processo está em fase de inclusão de dados dos servidores para a execução do pagamento que será realizado de forma indenizatória, com expectativa de liberação até o final de abril.

Notícias sobre:

estado professores