Palmas, Tocantins -
Fiscais agropecuários
566 visualizações

Greve dos fiscais da Adapec chega ao fim após Governo apresentar proposta

O presidente do Sindagro, Wiston Gomes, confirmou que, após consultar a categoria, os profissionais em greve decidiram acatar a proposta do governo
- Atualizada em
Divulgação

Chegou ao fim à greve deflagrada pelos fiscais agropecuários da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec). A categoria aceitou a proposta do Governo do Tocantins apresentada, nesta terça-feira, 23, para o Sindicato dos Profissionais de Defesa Agropecuária do Estado do Tocantins (Sindagro).

 

O presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha, que intermediou a negociação com a categoria disse que o governo nunca teve a intenção em atrasar o pagamento do Ressarcimento de Despesas para Atividades de Defesa (Redad), porém, todas as despesas do Estado dependiam do orçamento que foi aprovado no início deste mês.

 

“O Governador entende a importância do setor agropecuário para a nossa economia e por isso, apresentou esta proposta que contempla o Redad, e as demais exigências pontuadas pela categoria já estão sendo resolvidas”, frisou o presidente.

 

O presidente do Sindagro, Wiston Gomes, confirmou que, após consultar a categoria, os profissionais em greve decidiram acatar a proposta do governo e retornarão aos postos de trabalho nesta quarta-feira, 24.

 

Pelo acordo firmado entre o Governo do Estado e o sindicato, a regularização do pagamento do Redad será feito em quatro etapas, sendo que o pagamento referente ao mês de janeiro será efetuado até o próximo dia 26; os meses de fevereiro e março serão pagos até o dia 20 de maio; os meses de abril e maio serão pagos até 20 de junho, e a partir de junho, os pagamentos serão feitos até o dia 20 dos meses subsequentes.

 

Também foi acertado que até junho, a gestão da Adapec apresentará um cronograma de cursos de capacitação para fiscais e inspetores de defesa agropecuária.