Palmas, Tocantins -

Estado


Eleição da OAB
240 visualizações

OAB Independente alcançou avanços históricos para toda a advocacia, defende movimento

O projeto, que tem como candidato à reeleição Gedeon Pitaluga e a vice Priscila Madruga, buscou, em menos de três anos, seguir com o projeto de renovação da Ordem.
- Atualizada em
Divulgação/Assessoria

Em menos de três anos de gestão, o projeto OAB Independente, que tem como candidato à reeleição Gedeon Pitaluga e a vice Priscila Madruga pôde provar que é possível seguir com o projeto de renovação da Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Tocantins. Isso é comprovado pelos 85% de novos nomes a cargos da diretoria, Conselhos Estadual e Federal e da Caixa de Assistência ao Advogado (CAATO).



Para Gedeon Pitaluga, fazer uma gestão com pluralidade de ideias é o que faz a OAB mais forte e conectada à realidade da advocacia. “Buscamos somar ao projeto de uma OAB ainda mais independente advogados e advogadas capacitadas, mas sempre primando pela diversidade e representatividade. O 'OAB Independente' é para todos e vamos lutar por todos”, ressaltou Gedeon Pitaluga.



Gestão assertiva


Por meio de gestão assertiva foi possível construir a subsede de Taquaralto, na região sul de Palmas. Obra sonhada há décadas pela advocacia palmense e entregue em 2021. O espaço conta com o projeto OAB 4.0, salas para o advogado e a advogada realizarem audiências on-line, sustentação oral virtual, além de computadores modernos e uma sala de reuniões para suprir as necessidades da classe.



Na região do Bico do Papagaio, advogados e advogadas de Araguatins e Augustinópolis podem contar com suas subseções. Em Araguatins, na nova sede própria foi possível tornar viável um espaço que oferece sala para cursos, com 27 lugares, computadores, sala de atendimento para o advogado e seu cliente, sala para redigir peças, sala de reuniões, bem como sala da presidência; copa e mobiliário novo para que advogados e advogadas possam trabalhar com dignidade.



Em Augustinópolis, a subseção foi instalada em agosto deste ano, os inscritos contam com estrutura equipada com computadores, sala de atendimento para o advogado/advogada e seus clientes, sala para realizar audiências e redigir peças e copa.



Visando fortalecer a OAB em uma das cidades mais tradicionais do Tocantins, em 15 de setembro ocorreu mais uma importante inauguração: a sede da subseção de Porto Nacional. O local conta com auditório, computadores, impressora multifuncional e com scanner, sala de atendimento para o advogado/advogada e seus clientes, sala para realizar audiências e redigir peças e sala da presidência.



Assim como as outras obras prometidas, a sede da subseção de Araguaína está a todo vapor. O compromisso da gestão OAB Independente é que ainda neste ano a obra seja entregue para a advocacia de Araguaína, uma das principais cidades do Tocantins. Sendo o maior investimento em sedes de subseções, os advogados e advogadas poderão contar com estrutura com auditório, computadores, impressora multifuncional e com scanner, sala de atendimento para o advogado/advogada e seus clientes, sala para realizar audiências e redigir peças, sala da presidência, pólo OAB 4.0 e copa.



Respeito aos advogados


A gestão da OAB Independente trabalhou diuturnamente na defesa das prerrogativas dos advogados e advogadas. Nos últimos três anos, 26 desagravos foram realizados pela OAB-TO. “Em cada canto do Tocantins, onde um advogado ou advogada forem desrespeitados, a classe inteira será desrespeitada. Nossa missão é sempre fazer com que a nossa voz seja ouvida e ressaltar que a OAB/TO não se acovarda e que nossas prerrogativas são inegociáveis”, afirma Gedeon Pitaluga.



Assistência ao advogado


Em meio à pandemia e à fragilidade causada devido aos efeitos da Covid-19, a advocacia tocantinense pôde contar com o trabalho incansável da Ordem. Os auxílios Alimentação, Extraordinário e Auxílio Pecuniário Especial foram criados com recursos do Fundo de Integração e Desenvolvimento Assistencial dos Advogados (FIDA) para amenizar os efeitos negativos da crise causada pela pandemia.



A OAB ainda firmou uma parceria com psicólogos, oferecendo consultas a preços bem acessíveis, para atender os advogadas e advogadas que necessitam de ajuda profissional. Os atendimentos são feitos via internet, sem que precise sair de casa.



Mesmo antes da vacinação contra a Covid-19, a gestão OAB Independente batalhou para que a classe advocatícia fosse vacinada contra a gripe. Doses exclusivas contra a H1N1 foram administradas em várias subseções do Tocantins para advogados e seus familiares.



Anuidade justa


Levar a anuidade da OAB Tocantins da terceira mais cara para uma das três mais baratas do Brasil foi um compromisso firmado e cumprido nos últimos anos. Advogados e advogadas puderam ter suas taxas congeladas durante o momento pandêmico para que pudessem desempenhar seus trabalhos mantendo a regularidade na Ordem. Além disso, através de parcerias e boa vontade em facilitar a vida da advocacia, foi possível criar o Programa Anuidade Zero (sistema de cashback onde é possível zerar a taxa de anuidade conforme vantagens são acumuladas durante o ano). Por meio dele, pelo menos foi possível movimentar R$ 102 mil em anuidade e R$ 1,2 milhão em compras no comércio.



Modernidade


Marca registrada da gestão OAB Independente e voltada à advocacia foi possível criar o OAB 4.0, um centro de tecnologia com equipamentos de ponta para a realização de audiências virtuais, sustentações orais à distância e atendimento ao cliente. Um projeto pioneiro em todo o país que revolucionou a maneira da Ordem de oferecer atendimento à advocacia.



Aberto de segunda à sexta-feira das 8h às 22h, o espaço possui ambiente para peticionamento, sala para sustentação oral online, sala para audiências virtuais, espaço para reunião, computadores com webcam, púlpito e tela grande para sustentações, ambiente climatizado e internet exclusiva.