Palmas, Tocantins -

Estado


Repatriação
5.972 visualizações

Ônibus partiram na manhã deste sábado para buscar mais de 90 tocantinenses na Bolívia

Veículos que trarão os estudantes serão escoltados por nove policiais civis do Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE) e dois policiais militares.
- Atualizada em
Divulgação

Estudantes tocantinenses que ainda permanecem na Bolívia retornarão ao Tocantins na próxima quarta-feira, 29. Organizada pelo Governo do Tocantins, uma nova operação de repatriamento foi iniciada na manhã deste sábado, 25. Uma comitiva com um ônibus da Polícia Civil, três micro-ônibus do Governo do Estado, um veículo do Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE), sete policiais civis e dois policiais militares partiu de Palmas rumo ao município de Corumbá, no Mato Grosso, na divisa do Brasil com a Bolívia.

 

A operação de repatriamento dos estudantes tornou-se possível graças ao empenho do governador Mauro Carlesse junto ao Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

 

Coordenada pelo delegado de polícia e diretor do GOTE,  Rildo Barreira, a missão deve repatriar entre 90 e 95 estudantes tocantinenses.  A saída de Corumbá está prevista para segunda-feira, 27, e a chegada em Palmas deve acontecer a missão deve retornar ao Tocantins na madrugada de quarta-feira, 29.

 

Conforme destaca o coordenador da missão, os protocolos de segurança em saúde preconizados pela Organização Mundial de Saúde estão sendo amplamente seguidos e a chegada em Palmas seguirá o mesmo ritual da missão anterior, ou seja, os estudantes serão levados para o Hospital Geral de Palmas para realizarem o exame de testagem da Covid-19. “Nosso objetivo é trazer todos em segurança para casa”, finalizou o coordenador.

 

Primeira repatriação de estudantes na Bolívia

 

Na manhã desta última quarta-feira, 22, 50 estudantes tocantinenses vindos da Bolívia retornaram ao Tocantins após o Governo do Estado realizar uma ação conjunta para a repatriação dos alunos que estudam no país vizinho. Os estudantes saíram segunda-feira, 20, às 18 horas da cidade de Corumbá, no Mato Grosso do Sul; e chegaram a Palmas nesta quarta, às 9h50, em um ônibus e três vans, disponibilizados pelo Governo do Estado. O comboio foi escoltado, desde o início da viagem, por viaturas da Polícia Civil do Tocantins (PC-TO).