Palmas, Tocantins -

Estado


Oportunidade
112 visualizações

Projeto de incentivo ao primeiro emprego "TO Mais Jovem" segue com inscrições abertas

Candidatos já inscritos devem ficar atentos para entrevistas virtuais e presenciais
- Atualizada em
Descrição: Projeto já selecionou 223 candidatos Divulgação/Governo do Tocantins

O projeto de incentivo ao primeiro emprego TO Mais Jovem está na terceira semana de execução e já selecionou 223 candidatos por meio de entrevistas on-line. As inscrições seguem abertas e os interessados devem acessar o site e clicar no banner digital para serem direcionadas ao cadastro.

 

A proposta do projeto é auxiliar os jovens na busca do primeiro emprego, sendo direcionado àqueles que estão cursando ou já tenham cursado todo o ensino fundamental, médio ou de nível técnico na rede pública de ensino, municipal ou estadual.

 

“Fiquem atentos aos contatos disponibilizados no cadastro, porque quem estiver dentro do perfil será chamado para a entrevista por meio desses contatos”, disse o secretário José Messias Araújo. Ele afirma aque a meta é contratar 6 mil pessoas com idade entre 16 e 21 anos. Os jovens selecionados trabalharão nos órgãos que compõem a administração direta e indireta do governo.  

 

Os 223 candidatos já selecionados para participar do projeto estão aguardando os exames admissionais para assinatura do contrato e início do trabalho.

 

Polos para entrega de documentos

 

Os candidatos que forem selecionados em todas as etapas do processo poderão realizar a entrega dos documentos solicitados em três polos localizados nos municípios de Palmas, Araguaína e Gurupi.

 

Sobre o Projeto

 

O Projeto é uma iniciativa do Governo do Tocantins, por meio da Setas, com apoio e orientação pedagógica da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc). O programa será financiado com recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep), na ordem de R$ 107 milhões, nos anos de 2021 e 2022.

 

A empresa que está executando o TO Mais Jovem é a Fundação Luiz Eduardo Magalhães (Flem) que tem por finalidade social realizar pesquisas, planejar, fomentar, apoiar e executar projetos e atividades nas áreas de desenvolvimento e capacitação de pessoas, de modernização da gestão e dos serviços públicos.

 

O contrato de trabalho dos jovens selecionados será de até 13 meses, oportunizando o primeiro emprego formal remunerado, além de qualificação profissional e atendimento psicossocial e psicopedagógico aos jovens trabalhadores atendidos. O limite de idade não se aplica ao jovem com deficiência. Os contemplados serão remunerados com R$ 568,32 mais o auxílio-transporte no valor de R$ 169,40.