Palmas, Tocantins -
No Jalapão

Realizada neste fim de semana, Festa da Rapadura valoriza cultura do Povoado do Prata

Na programação estão previstas diversas atividades que possibilitam interação e conhecimento aos visitantes, como a demonstração da moagem da cana-de-açúcar e da produção de rapadura
- Atualizada em
Esta já é a 4ª edição da Festa da Rapadura Divulgação/Seden

O destaque e a valorização dos principais elementos que envolvem a cultura dos moradores da Povoado do Prata, comunidade remanescente de quilombo localizada no município de São Félix do Tocantins (386 km de Palmas), no Jalapão, marcam a 4ª edição da Festa da Rapadura. O evento, que já faz parte do calendário de atividades culturais da comunidade e região, começa nesta sexta-feira, 13, e segue até amanhã, 14. A Festa é realizada pela Associação dos Artesãos e Pequenos Produtores Rurais do Povoado do Prata, e conta com diversos parceiros.

 

Este ano, a Festa da Rapadura tem como tema Cultura Quilombola no Contexto Econômico e Social e reúne, além dos próprios moradores do povoado, representantes de outras comunidades quilombolas da região. Na programação estão previstas diversas atividades que possibilitam interação e conhecimento aos visitantes, como a demonstração  da moagem da cana-de-açúcar e da produção de rapadura, rodas de conversa, bem como o roteiro de base comunitária. No local, um espaço é destinado à venda de artesanatos, alimentos e, em especial, a rapadura produzida pela comunidade.

 

Nas noites culturais, haverá apresentações de artistas do Povoado do Prata e de comunidades vizinhas, desfile da garota e do garoto quilombola, teatro, entre outras atividades culturais. 

 

Uma equipe da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura (Seden) está presente no evento, levando apoio à organização da Festa. O propósito é fortalecer a comunidade e valorizar os artistas, ampliando a presença do turista que visita o Jalapão às comunidades locais, o que gera mais renda por meio da comercialização dos produtos. 

 

Na Comunidade do Prata se destaca a fabricação da rapadura, cujo processo é realizado de forma tradicional a exemplo da moagem da cana em engenhos típicos de madeira e uso de tração animal. 

 

Programação

 

Sexta-feira, 14

8 horas – Café da manhã do quilombo tradicional

9 horas – Demonstrações da moagem da cana-de-açúcar e produção da rapadura

10h – Roda  de conversa

12 horas – Almoço típico quilombola

14 horas – Palestra

16 horas – Roteiro de Turismo de Base Comunitária

17 horas – Visita a feira de artesanato e gastronomia local

19 horas – Jantar típico quilombola

20 horas – Noite cultural

 

Sábado, 15

8 horas – Café da manhã do quilombo

9 horas – Demonstrações de moagem de cana-de-açúcar e produção da rapadura

10 horas – Palestra sobre a importância do Turismo para o povoado (associativismo)

12 horas – Almoço típico quilombola

14 horas – Demonstrações de moagem de cana-de-açúcar

15h30 – Roteiro de Turismo de Base Comunitária

19 horas – Jantar típico quilombola

20 horas – Noite cultural