Palmas, Tocantins -

Geral


322 visualizações

A estrada que vai resgatar Taquaruçu

...
- Atualizada em

O momento é sempre oportuno para chamar a atenção da população palmense para o que acontece há cerca de 30 km do centro do Plano Diretor, neste que é um recanto especial, berço onde nasceu a capital do Tocantins. Não tenho um amigo que sabendo da minha opção por morar no alto da serra, não diga que gostaria também de morar aqui. A maioria não veio ainda por dois motivos simples: a distância e o péssimo serviço de transporte coletivo.

Taquaruçú tem o clima mais ameno de Palmas. Nas noites, independente da época do ano, chega a fazer frio. Em julho, o termômetro chega a marcar 13º graus. Para nós, palmenses, um luxo. Frio polar.A combinação de serra, abundãncia de cursos d'água, córregos e cachoeiras, somados ao que restou de vegetação natural nas nossas matas, faz do distrito um lugar especial. Mágico. Até o céu, inclinado, nas noites estreladas, parece levar as pessoas mais perto de Deus.

No paraíso que é Taquaruçú, no entanto, a pobreza é grande. Falta emprego,falta uma boa assistência à saúde, o comércio vive à míngua, e boa parte das famílias vive dependente de uma política assistencialista.

E a mais pura verdade é que Palmas deve muito à Taquaruçu. Aqui, a energia é de péssima qualidade, graças a uma rede antiga, ponta de linha, que nunca foi trocada. Aqui, o sinal de TV não vem de Palmas, e portanto, ninguém consegue acompanhar as notícias locais. Aqui, as belezas naturais não se transformam em pontos turísticos por que falta uma política permanente de incentivo que não mude nem seja abandonada por que trocou o prefeito, ou a prefeita.

Numa reunião política realizada semana passada em Taquaruçú, vi um grupo de moradores reivindicar a pavimentação da estrada municipal - hoje de terra - que vai reduzir em 15 km a distãncia do distrito a Palmas, sem a necessidade de ir a Taquaralto.

Esta estrada é o primeiro passo para começar a mudar a história de Taquaruçu. Se realmente pavimentada como quer a comunidade, seja pelo estado (estadualizando a via) ou pelo município, vai encurtar distâncias e aumentar o fluxo de novos moradores para o distrito.

 A capital planejada só pôde ser implantada, porque Taquaruçu cedeu sua sede administrativa para que isso ocorresse. Já é hora de Palmas, através das suas autoridades constituidas, começar a resgatar sua imensa dívida com o povo deste lugar.

Roberta Tum

roberta@blogdatum.com