Palmas, Tocantins -

Geral


IMÓVEIS
186 visualizações

Em alta: mercado de aluguel de imóveis tem valorização em Salvador

Saiba quais são as localidades que apresentaram maior crescimento no mercado
- Atualizada em

Com o passar dos últimos anos e a disseminação de conteúdo informativo sobre finanças, investir tem se tornado uma alternativa fácil e vantajosa para quem deseja poupar. Na cidade de Salvador, por exemplo, dentre as formas de investir disponíveis o mercado imobiliário tem se apresentado como uma excelente opção devido a valorização dos imóveis.

 

Na análise da região Nordeste, Salvador é uma das cidades que tem puxado a crescimento do mercado, ficando atrás apenas da cidade de Fortaleza de acordo com o índice nacional Fipezap, focado na análise de preços de imóveis nas capitais brasileiras. Este é um momento de recuperação da economia, alavancado principalmente pelo aumento no número de imóveis ofertados no mercado.

 

 

Capital baiana no ranking
da valorização imobiliária.

 

Em números, a capital baiana está entre as 20 cidades brasileiras que apresentaram valorização imobiliária no último ano. Ocupando a quinta posição do ranking nacional do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (Creci), Salvador tem se destacado pela venda de imóveis mais também pela locação de empreendimentos.

 

Realizando um comparativo junto ao ano passado, houve um aumento médio de R$ 127,50 no valor sobre a área dos imóveis. O custo médio em 2019 chegou ao montante de R$ 5.493,50 em comparativo com R$ 5.261,00 no ano anterior. Esta mudança no mercado imobiliário deve começar a apresentar os resultados ainda este ano, tendo em vista também a quantidade de imóveis a disposição. Confira a seguir algumas das razões para Salvador ser uma cidade tão vantajosa para quem aqueles buscam investir em imóveis:

 

Avaliação do mercado

 

O segmento imobiliário, assim como tantos outros, acaba sendo diretamente influenciado pelo momento em que a economia do nosso país vive. Isso quer dizer que as diferentes oscilações, sejam elas positivas ou negativas, irão refletir diretamente na aquisição e locação de imóveis realizadas naquele período. Agora chegando ao ano de 2019, o Brasil de uma forma geral apresenta uma leve melhora na economia, que também poderá ser sentida nos serviços imobiliários.

 

Entre as características que levaram a esta recuperação nos últimos meses está o uso do FGTS como forma de financiamento, a redução das taxas de juros cobradas nos contratos, além de mais facilidade para o acesso ao crédito principalmente de recursos como o de Minha Casa, Minha Vida. Por outro lado, o aluguel em Salvador também apresentado números positivos nos últimos tempos.

 

Este saldo foi ficou mais evidente no aluguel de apartamentos de dois quartos com 6,2% de crescimento. Ainda em um mesmo comparativo, o aluguel de sala e conjuntos segue mais retraído em comparativo com o mesmo período do ano anterior de acordo com o levantamento realizado pelo Sindicato de Habitação da Bahia (Secovi-Ba).

 

Investimento na cidade

 

Com os bons números que vem apresentando nos últimos meses, a cidade de Salvador tem chamado a atenção daqueles buscam um bom lugar para se investir.Com uma ampla variedade nas opções de imóveis, os investidores optam por este segmento pela segurança que ele oferece e o grande possibilidade de valorização, com é o caso na capital baiana. E a previsão é a de que este cenário se mantenha.

 

Para 2020, os especialistas se vêm apresentando bem otimistas e não para menos. Nos últimos dias, cerca de 74 imóveis movimentaram cerca de R$ 37 milhões. Com a entrega de novos empreendimentos e as próprias obras realizadas na cidade como a ampliação de avenidas, a criação da rodoviária e ampliação do metrô com certeza devem contribuir para a melhoria do mercado e da própria estrutura da cidade. Com isso, também deve crescer a verticalização da região, a partir da entrega de edifícios que vão potencializar as opções de apartamentos para alugar em Salvador. Tudo isso deve variar de imóvel para imóvel, mas conforme apontam as pesquisas, não devem faltar opções.

 

Relação de oferta e demanda

 

Entre os diferentes fatores que estão relacionados com a valorização do mercado em Salvador, não podemos deixar de citar os itens relacionados a oferta e a demanda de unidades. Esse tópico também envolve diretamente a relação com as construtoras que tem se apresentado mais otimistas e com isso retomando a entrega de novos empreendimentos. Isso também tem influenciado quais são os atrativos oferecidos nestes espaços como por exemplo a inclusão de coworkings nos edifícios, pensados para um novo perfil de cliente, que agora seu tempo trabalhando e produzindo em casa.

 

Diante deste movimento, os moradores tem passado mais tempo interagindo para com o seu bairro, buscando assim opções de lazer e entretenimento que estejam mais próximas da residência e também do trabalho. Isso tem gerado um crescimento no número de casas para alugar em Salvador, que tem se apresentado como uma ótima opção para quem deseja morar, otimizar seu investimento, contar com diferentes opções de escolhas e novamente, interagir mais diretamente para com a cidade junto aos vizinhos e a rua. Isso tudo sem deixar de aproveitar comodidades que este tipo de imóveis oferece em um geral como permissão para viver como animais de estimação, ou seja, as locações pet-friendly, além da área disponível para trazer mais comodidade junto aos filhos, atividades de lazer e situações do dia a dia como mais espaço disponível na garagem.

 

Em meio a este novo estilo de vida, vivenciado também pelos baianos, está a adequações realizadas pelo mercado que está cada vez mais atento as mais diversas necessidades dos usuários. Em paralelo para com as tendências otimistas está o crescimento no número de oferta que tornam mais reais as projeções realizadas pelos especialistas que apontam uma elevação nos imóveis disponíveis semelhantes ao ano de 2006. O aumento no número de imóveis está caminhando junto ao aumento na procura principalmente na área de residencial. Já o setor comercial apresenta um bom número de imóveis, mas ainda segue mais retraído na jornada de crescimento desenhada para o próximo ano de 2020.

 

Ficou bem informado com o artigo? Compartilhe com os seus amigos e ajude a esclarecer as dúvidas que eles também podem tem.