Palmas, Tocantins -

Café Online

Roberta Tum

Roberta Tum

roberta.tum.9 @robertatum

Colunista do Editorial Café Online


Café Online
190 visualizações

Decreto de calamidade e MP do remanejamento a passos lentos

Tramita a passos de tartaruga, na Câmara Municipal e na Assembléia Legislativa, dois projetos de interesse da Cidade de Palmas.
- Atualizada em
Descrição: Deputado Ricardo Ayres Reprodução/Web

Tramita a passos de tartaruga, na Câmara Municipal e na Assembléia Legislativa, dois projetos de interesse da Cidade de Palmas. O primeiro, trata-se do decreto de calamidade, que foi apreciado na CCJ no legislativo estadual, onde o relator foi o deputado Ricardo Ayres. A Casa no entanto, não levou a Plenário. Faltou a rapidez com que aprovaram o decreto de calamidade do governo do Estado.  O motivo, seria porque o pedido de Palmas foi apensado ao das demais cidades, e a polêmica em torno de alguns, gerou pedido de vistas. Já na Câmara Municipal, a MP que remaneja os recursos orçamentários para enfrentar a crise da Covid-19, foi às comissões. Segundo Milton Néris, ao T1 Notícias, vereadores têm até 120 dias para aprovar. Falta pressa.

Outras Notícias