Palmas, Tocantins -

Cidades


Carnaval
422 visualizações

Folia de Taquaruçu começa nesta sexta-feira,com shows na praça e em chácara

A folia nos ares da Serra em Taquaruçu começa nesta sexta-feira, 21, e se estende até a próxima terça, 25, com uma vasta programação que permite a participação de crianças, jovens e idosos.
- Atualizada em
Descrição: Flagrante do carnaval em Taquaruçu 2018 Acervo Gilson Cavalcante

Muita gente estava se guardando para quando o Carnaval chegar. E chegou!  A folia nos ares da Serra em Taquaruçu começa nesta sexta-feira, 21, e se estende até a próxima terça, 25, com uma vasta programação que permite a participação de crianças, jovens e idosos.  Além da folia dos blocos, a festa fica concentrada no Canto das Artes, no Circo Os Kako e na Chácara Morada dos Sonhos.

 

Já é tradição o Carnaval local atrair pessoas de vários cantos da cidade e até de outros estados. Isto porque oferece atividades circenses, palhaciata, blocos em batucadas e shows, que vão desde marchinhas, passando pelo reggae e pop rock. Enfim, todo mundo junto e misturado, porque a praça é do povo. Vai ser um frevo só. Principais blocos Batucanto, Socapino e Chamabari da Madrugada

 

Confira a programação oficial:

 

Sexta-feira, 21

 

  • 18h - DJ JP
  • 20h - Dorivã
  • 21h - Banda Impacto Latino.
  • 23h - Eletra

 

Sábado, 22

 

  • 17h - DJ JP
  • 18h30 - Chegada do cortejo – encontro dos blocos
  • 19h - Marcelo Linares e Thiago Play
  • 20h30 - Tambores do Tocantins
  • 23h - Paulinho Braga

 

Domingo, 23

 

  • 17h - DJ JP
  • 18h30 - Chegada do cortejo – encontro dos blocos
  • 19h - Magoo
  • 20h30 - Maluza e Thiago Play
  • 23h - Paulinho Braga

 

Segunda-feira, 24

 

  • 17h - DJ JP
  • 18h - Concurso de fantasias classificação infantil, com premiação
  • 19h - Banda Jardineira
  • 20h - Concurso de fantasias classificação adulto, com premiação
  • 21h - Tambores do Tocantins
  • 23h - Stéfane Lorena

 

Terça-feira, 25

 

  • 17h - DJ JP
  • 19h - Viola de Buriti
  • 20h - Paraíba da Sanfona
  • 22h - Marcelo Bahia

 

 

Bloco Chambari da Madrugada

 

Sexta-feira, 21 - Abertura dos festejos nesta sexta-feira, 21, às 23 horas, com shows do Nós Axé Coco e a Banda Chambari com Pimenta, couvert artístico de R$ 10. Quem se interessar adquirir o combo, no valor de R$ 35, leva consigo abadá + caneca + chambari delícia na concentração.

 

Sábado, 22 - Concentração, com o tradicional chambari, a partir da 15 horas. Às 17h, saída para o cortejo de encontro aos blocos Socapino (Circo Os Kako) e Batucanto, na Praça das Crianças. As 23 horas chácara Morada dos Sonhos, shows com o grupo Caçadores de Folia, de Goiás, e Magoo e Banda Urtiga, de Taquaruçu – couvert R$ 20.

 

Domingo, 23 - Depois da concentração, o cortejo pela Avenida Belo Horizonte até a Praça Joaquim Maracaípe, onde acontece o grande encontro com os outros blocos, inclusive com os outros que aparecem de repente e entram na farra. E às 23 horas, shows com cantor Léo Alves, do Maranhão, e a Banda D’Vinil, do Tocantins – couvert  R$ 20.

 

Bloco Conexão Underground de Carnaval - Ponto de Cultura Casa do Artesão

 

 

Bloco Conexão Underground

 

Apenas um dia de programação alternativa, fora do esquema tradicional de Carnaval é o que preparou o Bloco Conexão Undergroud, para o sábado, 22. É num tom festivo que o Ponto de Cultura Casa do Artesão se organiza para mais uma edição do Projeto Som Na Casa, com a programação. O coordenador do evento, Erval Brother, garante que a folia promete misturar a rua e a diversidade cultural com que há e melhor na cena alternativa, durante as festividades carnavalescas em Taquaruçu, envolvendo artistas, visitantes, turistas e comunidade local.

 

A festa será animada com ritmos e gêneros musicais como samba rock, eletrônico e o rap (edição especial Power Trio da Batalha de Rima do Artesão numa parceria com o Ponto de Cultura Cidade Perifa) , além de atrações destaques e ritmos regionais como o carimbo.

 

“Iremos englobar gêneros musicais sem perder a essência do Carnaval, que é a união e a diversão, numa promoção da cultura de paz.", observa Erval.