Palmas, Tocantins -

Cidades


Primeira etapa
249 visualizações

Palmas contará com dez pontos de vacinação contra a gripe neste sábado, 17

Serviço é voltado para o público da primeira etapa da campanha nacional. Para vacinar, é preciso apresentar documento que comprove a condição para ser imunizado
- Atualizada em
Raiza Milhomem/Prefeitura de Palmas

A Secretaria Municipal da Saúde de Palmas (Semus) realiza neste sábado, 17, mais uma ação da 23ª edição da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em dez pontos da Capital. O serviço é voltado para o público da primeira etapa da campanha, que inclui gestantes, puérperas, profissionais de saúde e crianças de seis meses a menores de seis anos (cinco anos 11 meses e 29 dias).

 

Estarão abertas para receber o público, das 8h às 17h, as Unidades de Saúde da Família (USFs) da Arse 13 (108 Sul), Arso 41 (403 Sul), Arne 64 (508 Norte), Arno 71 (603 Norte), Arno 33 (307 Norte), Liberdade, no Aureny III, Morada do Sol e na Arso 111 (1.103 Sul). Também serão pontos de vacinação a Base Militar do Taquari (ao lado da USF da região) e a USF Walter Morato, em Taquaruçu.

 

Documentação

 

Para se vacinar é necessário ir à unidade de saúde mais próxima, com os documentos pessoais (RG e CPF) e cartão de vacinação. Caso seja profissional de saúde, é necessário levar contracheque ou carteira de identificação de classe que comprove o vínculo empregatício.

 

No caso das grávidas, é preciso levar exame que ateste a gravidez, tendo em vista que algumas gestações começam a ser visíveis fisicamente a partir do quarto mês. Já no caso das puérperas - aquelas que deram à luz até 42 dias antes da data da vacinação -, é preciso levar certidão de nascimento do recém-nascido.

 

Considerando que a imunização contra a Covid-19 está em curso na Capital, a Semus reforça que, para quem se imunizou contra a enfermidade, deve aguardar um intervalo de 15 dias para tomar a vacina da Influenza.

 

Prioridades

 

Conforme o Plano Nacional de Imunizações (PNI), os grupos prioritários a serem vacinados serão distribuídos em três etapas, sendo:

 

Primeira etapa (14 de abril a 10 de maio): crianças com seis meses e menores de seis anos (cinco anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde;

 

Segunda etapa (11 de maio a 08 de junho): idosos com 60 anos ou mais e professores das escolas públicas e privadas;

 

Terceira etapa (09 de junho a 09 de julho): pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (comorbidades); pessoas com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; forças de segurança e salvamento; forças armadas; funcionários do sistema de privação de liberdade; população privada de liberdade; e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

 

Unidades que estarão abertas no sábado, 17, das 8h às 17h:

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) da Arse 13 (108 Sul);

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) Arso 41 (403 Sul);

 

- Unidade de Saúde da Família (USF)  Arne 64 (508 Norte);

 

- Unidade de Saúde da Família (USF)  Arno 71 (603 Norte);

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) Arno 33 (307 Norte);

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) Liberdade, no Aureny III;

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) Morada do Sol;

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) na Arso 111 (1.103 Sul);

 

- Base Militar do Taquari (ao lado da USF da região);

 

- Unidade de Saúde da Família (USF) Walter Morato, em Taquaruçu.