Palmas, Tocantins -

Cidades


Entre Palmas e Luzimangues
191 visualizações

Radares são instalados na Ponte da Amizade para reduzir número de acidentes

São instalados radares eletrônicos em três pontos ao longo da estrutura da Ponte da Amizade e da Integração, que liga Palmas a Luzimangues. A velocidade na ponte é de 70 km/h.
- Atualizada em
Ageto/Governo do Tocantins

A ponte da Amizade e da Integração, que liga Palmas a Luzimangues, está recebendo radares eletrônicos (controladores de velocidade) em três pontos, ao longo da estrutura. A vantagem da fiscalização eletrônica é que ela funciona 24 horas por dia, o que prevê contribuir para a redução de acidentes.

 

Nos anos de 2019 e 2020, foram registrados 59 acidentes na ponte da Amizade e da Integração, entre os quilômetros 0 e 9 da TO-080, sendo 35 acidentes com vítimas de lesões, 20 acidentes sem vítimas e 4 acidentes com vítima fatal.

 

Os acidentes aconteceram, em grande parte, por ultrapassagem inadequada desrespeitando as faixas amarelas contínuas em toda a extensão da ponte. A instalação dos equipamentos também atende a um pedido da população palmense e de Luzimangues, por causa do comportamento imprudente adotado por parte dos condutores.

 

A instalação é precedida por análises técnicas do Governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto). Os radares eletrônicos funcionarão de forma educativa por alguns dias sem registro de infração. Após este período, irão registrar infração que serão acompanhadas pela Ageto, por meio do Centro de Comando e Operação na sede em Palmas.

 

“Esperamos que o respeito ao limite de velocidade na ponte passe a ser regra e reflita na redução dos acidentes e da gravidade deles”, afirmou a diretora de Engenharia de Tráfego e Segurança Viária da Ageto, Lúcia Leiko.

 

De acordo com a secretária de Estado da Infraestrutura e presidente da Ageto, Juliana Passarin, “os radares são um dos principais instrumentos de controle de velocidade a salvar vidas, diante da grande imprudência de muitos motoristas no Brasil, e da falta de respeito às velocidades impostas pela legislação”, reforçou.

 

Infrações

 

Exceder a velocidade máxima em até 20% é infração média, com quatro pontos na carteira e multa de R$ 130,16. Dirigir em velocidade entre 20% e 50% superior à máxima permitida, a infração é grave, com cinco pontos e multa de R$ 195,23.

 

Quando a velocidade for superior à máxima em 50%, a infração passa a ser gravíssima e tem como penalidade a multa multiplicada por 3x R$ 880,41. Suspensão imediata do direito de dirigir e apreensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

 

Outros trechos

 

O Governo Estadual vai instalar radares eletrônicos em diversos trechos rodoviários nas seguintes regiões: central, norte e sul do Estado. Veja os trechos que devem ser contemplados.

 

Na região central: na TO-010, que liga Palmas a Lajeado; TO-050, entre Palmas e Porto Nacional; TO-255, entre Porto Nacional a Fátima; TO-030, que liga Palmas ao Distrito de Taquaruçu; TO-020, entre Palmas a Aparecida do Rio Negro. Na região sul: trecho da TO-387, na curva conhecida como Apertado da Hora, em Palmeirópolis. E na região norte: TO-222, em Araguaína.

 

É uma ação que visa reduzir acidentes em pontos críticos identificados por meio de estudos que foram realizados nas rodovias estaduais. Os pontos foram escolhidos após a realização da análise e classificação dos 5,8 mil km de rodovias estaduais pavimentadas no Estado, por meio da metodologia International Road Safety Assessmet (iRAP).

 

Outras obras

 

O Governo já havia realizado outras intervenções na estrutura. O local recebeu novo sistema de iluminação, manutenção do pavimento, roçagem, limpeza do sistema de drenagem, pintura dos gradis e instalação de nova sinalização horizontal e vertical.

 

Além disso, a Ageto está com uma equipe exclusiva e permanente, que é responsável pela manutenção do local.