Palmas, Tocantins -

Cidades


PM de luto
840 visualizações

Sargento da PM de 39 anos morre após sofrer infarto fulminante em Xambioá

O militar ingressou na PM em fevereiro de 2004 como aluno soldado, sendo promovido à graduação atual em 25 de agosto de 2016.
- Atualizada em
Descrição: Hailton Meneses de Carvalho, de 39 anos Divulgação

O militar Hailton Meneses de Carvalho, de 39 anos, faleceu na madrugada desta segunda-feira, 3, após sofrer um infarto fulminante durante o serviço de policiamento em Xambioá. Ele era sargento da Polícia Militar do Tocantins e deixa esposa e dois filhos.

 

Conforme divulgado pela PM, Hailton estava no alojamento quando passou mal, na noite de ontem, 2, e foi encaminhado para o Hospital Regional do município, mas não resistiu. Ele havia atuado na segurança da eleição indireta para prefeito de Araguanã, que ocorreu neste domingo. 

 

Trajetória na PM

 

O militar ingressou na PM em fevereiro de 2004 como aluno soldado, sendo promovido à graduação atual em 25 de agosto de 2016. Atualmente estava lotado no 2º Batalhão da Polícia Militar onde exercia suas funções no 1º Pelotão da 2ª Companhia Operacional na cidade de Xambioá.

 

Nota de Pesar da PM

 

Militar dedicado em todas as suas atribuições, sempre zeloso com suas condições físicas, deixa esposa e dois filhos. O comandante-geral da PM, coronel Jaizon Veras Barbosa e a família policial militar do Estado do Tocantins lamenta profundamente a perda do profissional e se solidariza com familiares e amigos.

 

Nota de Pesar 

 

Vice-governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa:  Foi com pesar que recebi a notícia do falecimento do 3º Sargento QPPM Hailton Meneses de Carvalho, de 39 anos, vítima de um infarto fulminante durante o serviço de policiamento no município de Xambioá. Meneses Buscou com honradez cumprir a nobre missão de manter a ordem e a segurança pública da sociedade tocantinense. Enaltecemos os serviços prestados pelo sargento e me solidarizo com a família e amigos do militar pela perda irreparável.  Pedimos que Deus conforte a todos neste momento de dor e sofrimento.

Notícias sobre:

infarto políciamilitar pm xambioá