Palmas, Tocantins -

Cidades


Covid-19

Taxa de ocupação hospitalar por Covid-19 sobe em Palmas e atinge 85,8%

O número é 4,8% mais alto do que a taxa do boletim epidemiológico de segunda-feira, 1º. Ao todo, 212 pacientes estão hospitalizados
- Atualizada em
Descrição: Imagem ilustrativa. Reuters/Flavio Lo Scalzo

Nesta terça-feira, 2, a cidade de Palmas registra taxa de ocupação hospitalar por Covid-19 de 85,8%. O número é 4,8% mais alto do que a taxa do boletim de segunda-feira, 1º. Os leitos clínicos públicos e privados estão, até o momento, com uma taxa de ocupação de 84%. Já a dos leitos de UTIs chegam a 87,9%. Segundo o informativo, 212 pacientes estão hospitalizados na Capital por causas ligadas à doença.

 

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) registraram uma taxa de ocupação de 85,7% na unidade da região Sul, e 29,4% na unidade da região Norte.

 

Ainda nesta terça, 259 novos casos positivos foram confirmados para a doença. Destes, 256 pacientes foram encaminhados para o isolamento domiciliar e três pacientes precisaram de internação hospitalar.

 

Palmas contabiliza 28.640 casos, 2.943 pessoas com Covid-19 em isolamento, além de 267 óbitos. O boletim epidemiológico desta terça pode ser conferido aqui.

 

A Capital enfrenta colapso iminente na oferta de leitos de UTIs na rede privada e pública e o crescimento signiticativo de casos de Covid-19 nos últimos dias. A prefeita Cinthia Ribeiro anunciou que novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) serão contratados.

 

Dados do Portal Integra Saúde apontam que, até às 16:04 desta terça, o Hospital Geral de Palmas dispõe de seis vagas de leitos de UTI, o Hospital Santa Thereza uma e o Hospital Oswaldo Cruz e Estadual de Combate à Covid-19 contam com 100% de ocupação.

 

É importante ressaltar que os dados são atualizados constantemente e podem sofrer alterações após a publicação desta matéria.