Palmas, Tocantins -

Estado


Cestas básicas
185 visualizações

Acompanhado da secretária da Educação, Carlesse entrega de cestas básicas em Aliança

O governador começou a entrega das cestas básicas nesta quinta-feira, 26, por Aliança; o cronograma de distribuição de 150 mil kits de alimentação para todo o Estado está sendo preparado
- Atualizada em
Descrição: Governador em visita à Escola Estadual Anita Cassimiro Moreno, em Aliança divulgação

O governador Mauro Carlesse (DEM) e a secretária da Educação, Adriana Aguiar, visitaram nesta quinta-feira, 26, obras da Escola Estadual Anita Cassimiro Moreno, em Aliança do Tocantins, onde entregam pessoalmente os kits de alimentação para os alunos da rede estadual de ensino. Os kits de alimentos são compostos por arroz (pacote de 5kg), açúcar, sal, óleo, macarrão, feijão, flocão de arroz, sardinha e extrato de tomate.

 

O cronograma de distribuição das cestas para todo o estado está sendo preparado, de acordo com a capacidade de entrega dos distribuidores.

 

O governador disse que o momento não é de discutir política, mas de cuidar das pessoas, de fazer com que crianças e jovens tocantinenses mais necessitadas mantenham sua imunidade alta. “Por isso, estamos determinando uma força-tarefa para garantir o acesso à alimentação, por meio da aquisição de alimentos e distribuição às famílias”, frisou o governador, recentemente, quando do anúncio da aquisição das cestas básicas.

 

Ao todo, cerca 150 mil kits de alimentos vão atender às famílias de todos os alunos da rede estadual de ensino, com um investimento de cerca de R$ 6 milhões, oriundos do Tesouro Estadual.

 

De acordo com a titular da Educação, Adriana Aguiar, os diretores escolares já receberam todas as orientações de como deve se dar a distribuição, sempre primando pelo cuidado e cumprimento das determinações da Organização Mundial de Saúde (OMS) relativas à pandemia do novo coronavírus.

 

 

Distribuição dos kits

 

A logística que está sendo preparada prevê que, para os estudantes que residem na zona urbana, os kits serão entregues nas unidades escolares, ao passo que, para os alunos da zona rural, será utilizado o transporte escolar para fazer a entrega dos alimentos nas rotas onde embarcam diariamente.

 

Para tanto, a Seduc está orientando as equipes gestoras das escolas e as Diretorias Regionais de Educação a organizarem a distribuição de forma a não gerar qualquer tipo de aglomeração e ainda com toda proteção higiênica.

 

"Compreendemos que muitas famílias já estejam enfrentando dificuldades financeiras, mas reforço que é necessário que todos aguardem o anúncio das datas de retirada dos kits. Não mediremos esforços para que isso ocorra no menor prazo possível”, frisou a secretária.