Palmas, Tocantins -
Em Palmas
1.094 visualizações

Carlesse desfila em carro aberto no 7 de setembro e destaca patriotismo

Com o tema Quem Educa, Faz! o evento foi realizado pela primeira vez com a participação de escolas das 13 Diretorias Regionais de Educação (DREs), além de autoridades civis, militares e da comunidade
- Atualizada em
Tradicional Desfile Cívico-Militar foi realizado neste sábado, 7 Esequias Araújo

A semana da pátria em Palmas encerrou neste sábado, 7, com o tradicional Desfile Cívico-Militar em comemoração ao dia da Independência do Brasil. O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, acompanhado da primeira dama Fernanda Carlesse, participou da cerimônia. 

 

Com o tema Quem Educa, Faz! o evento foi realizado pela primeira vez com a participação de escolas das 13 Diretorias Regionais de Educação (DREs), além de autoridades civis, militares e da comunidade palmense, que compareceu à Praça dos Girassóis para prestigiar.

 

Para o governador Carlesse o desfile representa o resgate do patriotismo e o sentimento de brasilidade no seio das pessoas, em especial das crianças. "É isso que desejamos, que nos próximos anos mais colégios possam participar e que as nossas crianças saibam a importância desse dia, que esse sentimento cívico de amor à nossa pátria floresça. Portanto, estou feliz em participar e presenciar as pessoas no desfile", ressaltou.

 

A prefeita de Palmas, Cintia Ribeiro celebrou a data como um momento de reafirmar os aspectos democrático e de soberania. "Celebrar o 7 de Setembro, data que marca a nossa independência de Portugal, é uma oportunidade de reafirmarmos nossos valores democráticos, a diversidade dessa nação continental, que tem como um dos seus principais valores a unidade . Viva Palmas, viva o Tocantins, viva o Brasil", comemorou.

 

Desfile

 

O evento teve início com a revista à tropa pelo governador Mauro Carlesse e demais autoridades civis e militares. O desfile foi aberto por alunos da Universidade da Maturidade (UMA), seguido pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e, na sequência, as escolas da rede municipal de Palmas, que foi representada por seis unidades educacionais. O evento contou ainda com a participação de escolas de outras cidades, que foram representadas por cerca de 500 alunos de 13 regionais e, também, pelas escolas militares. Em Palmas 10 colégios estaduais abordaram temáticas específicas.

 

Alunos com uniformes esportivos e medalhas representaram todas as modalidades dos Jogos Estudantis do Tocantins (JETs) e, na sequência do desfile, representantes do Balé Popular do Tocantins, da Ginástica Rítmica, Pronatec, de esportes funcionais, ciclistas, Força Jovem Universal e Ordem Demoley. Outro momento bastante aplaudido pelos presentes foi o Desfile Cívico-Militar, representado pela Marinha, Exército, Bombeiros Militar e Guarda Metropolitana de Palmas.

 

De acordo com a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), mais de 4,3 mil participantes fizeram parte do Desfile Cívico-Militar de 7 de Setembro em Palmas, divididos em 56 pelotões. 

 

O desfile foi prestigiado pelo vice-governador Wanderlei Barbosa, comandantes do Exército, Marinha, Polícia Militar, Bombeiros, Guarda Metropolitana, da Polícia Federal, secretários de estado e do município, deputados e outras autoridades.

 

Expectativa

 

Antes mesmo do início do desfile, na concentração que foi realizada próximo à saída oeste do Palácio Araguaia, a expectativa entre os participantes do ato já era grande. Tanto entre estudantes de unidades de ensino regular, quanto dos Colégios Militares.

 

“Este é um dia muito importante porque podemos homenagear nosso País. É um dia em que deixamos de olhar apenas para nós mesmos e passamos a olhar o Brasil como um todo, suas riquezas e História”, destacou João Davi Medeiros Rodrigues, estudante do Colégio Militar – Unidade V, de Paraíso.

 

Entre os estudantes de escolas civis o sentimento era o mesmo, o orgulho. Kayk Lima é aluno do 9º ano na Escola Paroquial Cristo Rei, de Tocantinópolis e destacou a importância de participar de um momento cívico ao lado de estudantes de todo o Estado. “É um incentivo a mais para mim, pois aqui estou ao lado de alunos do Tocantins todo. Isso é muito importante”, completou.

 

Se compor um pelotão já é uma responsabilidade grande, fazer parte da banda, ou da fanfarra da escola aumenta ainda mais esse compromisso. É o caso de Renato Oliveira Silva, da Escola Estadual de Tempo Integral Professora Elizângela Glória Cardoso. Ele é Mor da fanfarra da escola, ou seja, é o membro que vai à frente do grupo, orientando os músicos, e destacou a rotina de preparo da fanfarra para o desfile.

 

“A fanfarra é um projeto da nossa escola. Nós ensaiamos todos os dias, nos intervalos dos turnos. É muito gratificante representar a nossa escola, homenagear  a Pátria e poder levar para o público a nossa música”, destacou o estudante.

 

Realização

 

O desfile cívico foi uma realização do Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) e contou com a presença do governador Mauro Carlesse, do vice-governador Vanderlei Barbosa, do comandante geral da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras, da prefeita de Palmas, Cíntia Ribeiro, além de autoridades civis e militares.