Palmas, Tocantins -

Estado


Tratamento da Covid-19

Governo abre 10 leitos de UTI Covid-19 em Porto Nacional; estrutura será definitiva

"Passam a fazer parte da estrutura definitiva e que ficarão como legado para o Hospital Regional, administrado pelo Estado", disse o governador Mauro Carlesse ao abrir os leitos
- Atualizada em
Esequias Araújo/Governo do Tocantins

Dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), exclusivos para o tratamento da Covid-19, entraram em operação neste sábado, 10, no Hospital Regional de Porto Nacional. Bastante aguardado pela comunidade local, os leitos foram anunciados pelo governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, que ao longo das últimas semanas determinou agilidade da Secretaria de Estado da Saúde (SES) na implantação dos mesmos, visando ampliar a quantidade de leitos para ofertar o tratamento adequado aos pacientes acometidos pela doença na região.

 

Atualmente, o Tocantins conta com 436 leitos, sendo 264 clínicos e 172 de UTI Covid-19.

 

O governador Mauro Carlesse destaca que os leitos são uma conquista da sociedade de Porto Nacional e região, uma vez que funcionarão em caráter permanente. “Desde que assumimos a gestão, entendemos a necessidade de fazer melhorias na saúde de forma a atender à população. Trabalhamos de forma incansável para implantar esses leitos de UTI em Porto Nacional, que passam a fazer parte da estrutura definitiva e que ficarão como legado para o Hospital Regional, administrado pelo Estado. Hoje, o foco é o tratamento adequado para os pacientes acometidos pela Covid-19, mas passada a urgência da pandemia, estarão à disposição de todo e qualquer cidadão que precisar de um cuidado especializado”, ressaltou o governador.

 

Conforme o titular da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Edgar Tolini, os 10 novos leitos de UTI em Porto Nacional farão a rede implantada pelo governo do Tocantins chegar a 168 UTIs exclusivas para tratamento da Covid-19. “Optamos por não fazer estruturas provisórias, mas sim investir na rede hospitalar, ampliando a oferta de novos leitos, melhorando as condições de trabalho dos profissionais que estão na linha de frente, e consequentemente, oportunizando à população o tratamento adequado, com um único objetivo que é o de salvar vidas”, destacou o secretário.

 

Para a abertura desses 10 leitos, a SES realizou a contratação da empresa Innmed Gestão em Saúde LTDA, para o gerenciamento e a operacionalização dos leitos de Terapia Intensiva Adulto tipo II. A empresa é a responsável pela contratação de profissionais de Saúde, equipamentos e insumos para a operacionalização dos leitos.