Palmas, Tocantins -

Estado


Cerimônia em Palmas
706 visualizações

PM do Tocantins forma 20 policiais para atuarem na Rotam, grupo do Batalhão de Choque

Formatura de 20 militares ocorreu terça, 13, de noite e contou com a presença do vice-governador Wanderlei Barbosa.
- Atualizada em
Descrição: Entrada dos formandos foi marcada por vibração Ademir dos Anjos e Lucas Cavalcante

A Polícia Militar do Tocantins realizou nesta terça-feira, 13, às 18h, no pátio do Quartel do Comando Geral (QCG) em Palmas, a formatura do Terceiro Curso Operacional de Rotam - Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana 2019. A turma, 3º Sargento Rubim Lopes Monteiro (in memoriam), composta por 20 novos “Rotamzeiros”, como são chamados os cursados, retornam para suas funções com o “Raio Imortal” no peito, a partir de seus distintivos de curso.

 

Estiveram presentes no evento diversas autoridades civis, políticas e militares. No palco de honra esteve presente o vice-governador do estado, Wanderlei Barbosa, o presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, deputado Antônio Andrade, o presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins Helvécio Maia Neto, os deputados Olyntho Neto e Luana Ribeiro, acompanhados de oficiais e praças da PM e do Corpo de Bombeiros Militar.

 

Diversas homenagens foram concedidas aos envolvidos na formatura. Receberam uma placa alusiva ao curso: o vice-governador do estado, o comandante geral da PM, o diretor de ensino da PM, o senador Siqueira Campos, a viúva do 3º Sgt PM Rubim, falecido, o qual emprestou o nome à turma, bem como o primeiro colocado do curso, Capitão Júnior.

 

Para o comandante-geral da PM, coronel Jaizon Veras Barbosa, a polícia busca cada vez mais a capacitação e o aprimoramento profissional. Somente em 2019, mais de 500 militares passaram por qualificações em diversas áreas, tanto operacionais quanto administrativas. Finalizou pedindo aos formados que “honrem nossas tradições e a memória do 3º SGT Rubim, guerreiro taticano que dá nome à turma e tombou em decorrência do combate diário atinente à função policial militar.

 

Para o vice-governador, as ações de combate especializado, por parte da PM, trazem não somente mais tranquilidade para a população, como reforça a técnica e capacidade dos militares tocantinenses. Segundo ele, o governo do Tocantins tem investido na segurança pública e percebe os resultados em cada ação realizada pela PM

 

 

Homenagens realizadas

 

A Turma teve como paraninfo o pai da dupla Henrique e Juliano, o senhor Edson Alves dos Reis, que veio acompanhado de sua esposa e o ilustre cantor, Juliano. O paraninfo recebeu uma homenagem dos formandos e agradeceu a deferência.

 

Outra homenagenada foi a viúva do 3º Sgt PM Rubim Lopes Monteiro (in memorian), senhora Rosiane Araújo Gomes Monteiro, que gentilmente cedeu o nome do militar à turma. O policial foi morto após ação criminosa, na cidade de Porto Nacional em dezembro de 2017. Para a viúva, o marido sempre será lembrado pela devoção à PM, compromisso e dedicação.

 

Recebeu também uma homenagem o Capitão Vilson Rodrigues da Silva Júnior, das mãos do excelentíssimo vice-governador Wanderlei Barbosa, uma homenagem como prêmio pelo desempenho obtido. O militar foi o primeiro colocado geral final do curso e destacou o esforço realizado, bem como o companheirismo dos demais colegas de curso, na conquista.

 

O comandante geral da PM, coronel Jaizon Veras Barbosa, o Diretor de ensino da PM, coronel Dosautomista Honorato de Melo também foram homenageados, pelo apoio fornecido para a realização do curso.

 

 

O Curso

 

O terceiro COR iniciou no dia 03 de junho de 2019, com o objetivo de capacitar policiais militares do estado do Tocantins e das coirmãs de Mato Grosso e Mato Grosso Do Sul. O curso teve duração de setenta e dois dias, perfazendo um total de 500 horas aulas, contemplando 16 disciplinas e estágio supervisionado. Dos 50 alunos matriculados, 46 iniciaram essa jornada formativa, e 20 conseguiram concluir com êxito a formação. Destes , dois das coirmãs dos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, que concluíram também com êxito o curso operacional de ROTAM

 

Os policiais militares formados estarão aptos a integrarem a Rotam, grupo especializado da PM, pertencente ao Batalhão de Choque, que atua de forma preventiva, dissuasiva e repressiva em ocorrências de maior complexidade, como combate ao crime organizado, narcotráfico e roubos a bancos, captura de foragidos da justiça, além de atuar na segurança de autoridades e escolta de presos de alta periculosidade.