Palmas, Tocantins -

Estado


Resultados
76 visualizações

Sistema FAET apresenta balanço do projeto ‘Feira Segura’ que movimentou R$65 mil

O projeto já teve 11 edições realizadas no Estado, movimentando mais de R$65 mil, num período que muitos não estavam conseguindo comercializar seus produtos e garantir o sustento de suas famílias.
- Atualizada em
Divulgação

O Sistema CNA/FAET/SENAR divulgou o balanço das edições realizadas do Projeto “Feira Segura no mês de maio”. O projeto feira segura já teve 11 edições realizadas no Estado.  Participaram 79 produtores rurais (feirantes) que através deste novo formato de feira, puderam garantir a manutenção da sua renda familiar frente à pandemia.

 

Além disso, pelo menos 5.474 consumidores passaram pelas feiras, movimentando mais de R$ 65 mil reais, num período que muitos não estavam conseguindo comercializar seus produtos e garantir o sustento de suas famílias. Os consumidores por sua vez, tinham dificuldades em adquirir produtos frescos, pois a preocupação com o novo corona vírus fazia com que evitassem ir as feiras livres. A previsão é realizar 25 edições até o final de junho, em vários municípios do estado.  

 

Entendendo o projeto

 

O projeto “Feira Segura” objetiva apoiar especialmente os pequenos produtores na organização e realização de um novo formato de feiras para comercialização de produtos alimentícios nos sistemas Convencional e Drive Thru, garantindo à população o abastecimento de alimentos e segurança na prevenção do Novo Coronavírus. 

 

Afim de atender às recomendações da OMS - Organização Mundial de Saúde, o Sistema CNA/FAET/SENAR disponibiliza toda estrutura física necessária para realização da feira em cada município, como tendas, climatizadores, disciplinadores para fechamentos, barracas padronizadas, cadeiras, unifilas para garantir o distanciamento, pia para higienização das mãos e o material de identidade visual que garante a divulgação de orientações das autoridades de saúde. Também é entregue para cada feirante um kit composto com camiseta, avental, touca, luvas, álcool em gel e máscara de proteção para utilização durante a feira, além do fornecimento de materiais como sacos, bandejas, plástico filme para armazenamento e exposição dos produtos.

 

Uma nova realidade

 

Um dos diferenciais neste novo formato de feira é a realização de oficinas para os produtores rurais (feirantes) ministrada por uma profissional do SENAR, engenheira de alimentos sobre ‘Manipulação, Higienização de Alimentos e Embalagem de Produtos”, como critério de participação. Na oficina, são abordados temas como cuidados com a água, segurança alimentar, conservação e armazenamento de alimentos, riscos operacionais frequentes, validade e qualidade do produto e manipulação de produtos, além de orientações como o melhor posicionamento das barracas, cuidados de higiene dos produtores/feirantes e uso de EPI´s, como máscaras, luvas e álcool em gel.

 

E para aumentar a segurança, os consumidores, ao entrar na feira, tem a sua disposição pia com agua, sabão líquido e papel toalha e álcool líquido 70%, e também máscaras de tecido devidamente higienizadas e embaladas são distribuídas aos consumidores que não tiverem a sua. Organizadores de filas são colocados em frente às barracas respeitando o distanciamento necessário entre quem vende e quem compra.

 

O fluxo de pessoas é controlado pela equipe do Sistema CNA/FAET/SENAR, garantindo assim que não haja aglomeração. Os produtos da feira, trazidos direto do campo, são higienizados e embalados em sacos plásticos transparentes, e expostos em barracas padronizadas que por serem mais altas permite maior visibilidade por parte dos consumidores. 

 

Edições realizadas e outras em andamento

 

De acordo com pesquisas realizadas 95% dos consumidores aprovaram o novo formato da feira, sem nenhuma rejeição e disseram se sentirem mais seguros durante as compras e 100% dos produtores (feirantes), aprovaram tanto a oficina como também o novo formato da feira e garantiram que pretendem continuar com as medidas de higiene e segurança.

 

O Sistema CNA/FAET/SENAR, já realizou este novo formato de feira nos municípios de Gurupi, Dianópolis e Porto Nacional.  E para este mês de junho além dos municípios já atendidos estão previstas as cidades de Paraíso do Tocantins e Arraias. O projeto também foi apresentado à prefeitura de Palmas, para realização no sistema Drive Thru,  e aguarda retorno para executar este projeto inovador na capital.

Notícias sobre:

balanço feira segura faet/senar